Tem gringo na área!

Publicado em

Earth, Isabel Nin e Stefane Refrande, da AFS, Regan, Robin, Louis, Deniz e Michele Rosa
Earth, Isabel Nin e Stefane Refrande, da AFS, Regan, Robin, Louis, Deniz e Michele Rosa

O ano letivo no Colégio Pedro II começou agora para Louis Gram, Deniz Koksal, Robin Verse, Regan Gilmour. Os quatro são estudantes estrangeiros e vão passar um ano cursando o Ensino Médio no CPII. O grupo, acompanhado do também intercambista, Supakorn Cherdchooteerakul, que está matriculado na escola desde o início do ano letivo, e das coordenadoras da AFS Intercultura Brasil, Isabel Nin e Stefane Refrande, recebeu as boas-vindas do reitor Oscar Halac e da assessora de Relações Internacionais substituta, Michele Rosa, nesta quinta-feira, 1/9.

 

Robin, 18 anos, é alemã e, assim como Regan, 18, da Nova Zelândia, está cursando a 2ª série no Campus Humaitá II. Ela conta que escolheu estudar no Brasil pelas coisas boas que lhe contaram sobre o país. “Ouvi falar muito sobre como as pessoas são legais, gentis, amáveis e um pouco mais divertidas do que na Alemanha”, brincou. Em seu primeiro dia de aula, a recepção foi bem calorosa. “Estava nervosa antes do meu primeiro dia, mas os professores foram muito legais e me apresentaram toda a escola. Os alunos também! Eles tentaram me explicar e traduzir tudo para mim”, lembra.

 

intercambistas
Novos estudantes receberam as boas-vindas do reitor Oscar Halac

Já Regan, fez a escolha baseada na experiência que sua mãe teve ao fazer participar de um programa de intercâmbio da AFS. “Minha mãe sempre dizia que essa foi uma experiência incrível e como o Brasil era um dos melhores lugares do planeta”, contou destacando que tem sido muito fácil se adaptar à nova escola, que já fez alguns amigos, mas que formar frases completas em português ainda é difícil.

 

Louis, 17 anos, é da Groenlândia, e junto com Deniz, 18, da Turquia, estão cursando a 2ª série no Campus Realengo II. Para Deniz, sua primeira impressão da escola foi muito positiva. “Eu amei minha escola. Meus professores e colegas são muito legais e amigáveis, sempre conversando comigo”, afirmou. Louis contou que também foi bem recepcionado e teve que responder a muitas perguntas de seus colegas. E se para ele socializar não tem sido um problema, o aprendizado do português está caminhando devagar. “Tenho aprendido algumas palavras, mas é fácil esquecer”, comentou.

 

Supakorn ou Earth, como gosta de ser chamado, chegou ao Brasil em janeiro deste ano e já está bem adaptado ao cotidiano do Campus Centro, onde cursa a 1ª série. Ele volta para a Tailândia no final do ano e garante que vai levar boas memórias do CPII. “Minha primeira experiência foi muito louca. Quando fui para a aula todos falavam comigo ao mesmo tempo, algumas pessoas falavam em inglês, outras em português e eu não entendia nada, mas foi muito legal”, contou ao relembrar seu primeiro dia de aula.

 

Desde 2015, o Colégio Pedro II tem recebido estudante estrangeiros por meio do acordo de cooperação firmado com a organização não governamental AFS Intercultura Brasil, que oferece programas de intercâmbio. O acordo permite ainda que alunos e servidores do Colégio também se candidatem a bolsas de intercâmbio patrocinadas pela AFS.

 

 

Por Bianca Souza

Categorizado em Fique por Dentro

Assuntos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Tema desenvolvido pela Comunicação Social do Colégio Pedro II para WordPress