Bate-papo com Claudiah Rato

Publicado em

Claudiah Rato, criadora da técnica de Meditação Laica Educacional
Claudiah Rato, criadora da técnica de Meditação Laica Educacional

Meditação Laica Emocional é uma técnica de ensino criada pela professora Claudia Rato e aplicada pela primeira vez em 2009, no Colégio Pedro II, no Campus Humaitá II.

Atualmente ela promove seminários para ensinar a técnica a professores interessados em implementá-la, além de oferecê-la no Programa de Residência Docente (PRD) do CPII ou por meio de workshops a grupos avulsos.

O Conexão CP2 bateu um papo com a Claudia, que contou tudo sobre o seu método: como criou, quais são os seus benefícios, o feedback que recebe dos formados e muito mais.

 

  1. No que consiste a Meditação Laica Educacional? Como o método foi desenvolvido?

A Meditação Laica Educacional® é um protocolo de condução de grupo ao estado meditativo criado para o setting de uma sala de aula para ser aplicado pelo próprio professor regente em suas turmas, como uma estratégia didático-pedagógica para o desenvolvimento de uma educação emocional

  1. Quais são os benefícios de sua aplicação no ambiente escolar?

Seus benefícios se dão em dois níveis: de imediato, em sua primeira aplicação. O professor devidamente treinado, regula a atenção e a concentração da sua turma e consegue que seu tempo de aula renda mais. Com a continuidade da aplicação da técnica da MLE®, o professor será capaz de perceber a mudança de comportamento de seus alunos no campo relacional, demonstrado por atitudes mais respeitosas e solidárias nas relações professor X aluno, assim como aluno X aluno, atendendo ao propósito de ser uma nova tecnologia educacional para o desenvolvimento da inteligência emocional.

 

  1. Como você avalia o retorno do uso do método por professores em sala de aula?

​Toda a participação, tanto do professor a ser treinado quanto do aluno na prática da meditação laica educacional®, deve ser voluntária. Este é um procedimento fundamentado em uma das linhas de conhecimento que compõem a estrutura da técnica e, portanto, parte dela. Desse modo, o professor qualificado é orientado a convidar seus alunos à prática e deve respeitar o desejo da turma de aceitar ou não.

Assim também, é feito um convite ao professor meditador laico, devidamente formado por mim, a se tornar um professor pesquisador. Caso o professor aceite, ele passa a ser orientado a reproduzir a pesquisa original de resultados, que são apresentados em Seminários Bienais (anos ímpares) em Meditação Laica Educacional® Aplicada que eu promovo através do Núcleo de Pesquisas em Meditação Laica Educacional Aplicada da Pró-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa, Extensão e Cultura (Propgpec)​. Até agora, já acumulamos 13 trabalhos de professores de diferentes escolas e níveis de ensino. Também criei a revista Meditação Laica Educacional no Portal Espiral do Colégio Pedro II, a fim de que que servisse de armazenamento desses trabalhos apresentados pelos professores nos Seminários. A revista está parada porque não tem sido possível dar conta de mais essa frente de trabalho sem um auxiliar para tal demanda.

 

  1. Você começou a aplicar a Meditação Laica Educacional em 2009, no Campus Humaitá II. Como foi essa experiência? Alunos e colegas professores aceitaram bem a nova prática?

O currículo do Ensino Médio no Brasil é quase totalmente voltado para as disciplinas ​teóricas que compõem os exames do antigo vestibular e atual ENEM. Por conta disso, a minha disciplina sempre encontrou dificuldade em manter a boa frequência dos alunos nas aulas de Educação Física do Ensino Médio, invertendo vertiginosamente o nível de frequência encontrado no segundo segmento do Ensino Fundamental.

A meditação laica educacional® nasceu de uma pesquisa fundamentada no método do pensamento complexo de Edgar Morin e da metodologia da pesquisa-ação de Thiolent. Ao iniciar a prática da Meditação Laica Educacional® nas minhas turmas de Ensino Médio, a frequência cresceu vertiginosamente, a ponto de alunos me pedirem para trazer colegas de outras turmas que não eram minhas para praticar a MLE® conosco. Ou seja, naquele ano a MLE® atendeu o aluno e resolveu o problema da frequência na minha disciplina.

Infelizmente, meus colegas de Departamento ainda não perceberam o valor dessa prática e, embora eu os convide insistentemente a fazerem a formação oferecida desde o ano passado pela Extensão da Propgpec, ainda não tive adesão do meu colegiado. No entanto, vale ressaltar que, como desenvolvi a forma compacta da técnica para professor de qualquer disciplina e qualquer nível de ensino, há colegas de outras disciplinas do Colégio Pedro II que já estão formados em MLE®.

 

Turma de Meditação Laica Educacional de 2012
Turma de Meditação Laica Educacional de 2012

 

  1. Meditação, historicamente, está ligada à crença religiosa. Mas esse não é o caso da MLE, a técnica tem como objetivo desenvolver a inteligência emocional. Os professores que buscam o curso têm consciência disso ou ainda têm uma visão estereotipada sobre o tema?

Segundo minhas pesquisas, o perfil dos professores que buscam a formação em MLE® se apresenta com três características principais nessa ordem decrescente:

Em primeiro lugar, são professores que se encontram encurralados entre a necessidade de se cumprir o ensino do conteúdo pedagógico da sua disciplina e a falta de atenção e de concentração dos seus alunos em sala de aula. Eles têm a esperança de que essa prática ajude a acalmar e concentrar a sua turma.

Em segundo lugar, são professores que já conhecem os benefícios da meditação em suas vidas pessoais, mas não sabem como levar essa prática para a sala de aula sem seu conteúdo filosófico ou religioso.

E, em terceiro lugar, estão os professores que buscam estratégias para dar mais sentido à prática educacional do magistério para além da passagem de conteúdo.

Esse​s ​objetivos têm sido alcançados e ​talvez por isso aumentou a procura por esse curso no PRD, como resultado do elogio boca a boca. Acredito que os professores que têm uma visão ainda estereotipada do assunto não procuram a MLE®.

 

  1. Você forma professores de diversas escolas no Programa de Residência Docente. Há relatos de professores que aplicam o método em suas escolas? E se sim, que resultados eles têm obtido?

Sim, como relatei acima, todos os professores formados são convidados a replicar minha pesquisa original em suas salas de aula. Esses professores pesquisadores são convidados, por sua vez, a apresentarem seus trabalhos nos Seminários que promovo junto a Propgpec. Esses trabalhos são publicados na Revista Meditação Laica Educacional® do Portal Espiral do CPII. São nesses seminários que conhecemos os resultados uns dos outros e nos suprimos de dados para expansão da pesquisa do Núcleo de Pesquisa em Meditação Laica Educacional® Aplicada do Colégio Pedro II. Importante ressaltar que nosso núcleo está cadastrado no banco de dados do CNPq.

As pesquisas de resultados encontrada nos trabalhos se utiliza da metodologia da pesquisa-participante e vêm corroborando sua eficácia.

O Núcleo de Pesquisas em Meditação Laica Educacional® Aplicada já soma a publicação do livro “Meditação Laica Educacional para uma educação emocional”, da Paco Editora, 2011, SP.; uma apresentação em congresso; e um artigo aprovado para publicação na revista INTERAGIR, intitulado  “A Importância do Programa de Residência Docente e da Extensão da PROPGPEC do Colégio Pedro II na aplicação e desenvolvimento da nova tecnologia educacional Meditação Laica Educacional® como estratégia didático-pedagógica para uma educação emocional”; ano Em 2017 o núcleo promoverá mais uma vez os registros dos  dados coletados sobre os resultados da aplicação desta técnica em diferentes escolas e níveis de ensino. Estamos apenas aguardando a abertura

do edital para a realização de eventos científicos.

Turma de Extensão em Macaé
Turma de Extensão em Macaé

 

Valdeir Militão ( Estagiário de Jornalismo)

Categorizado em Bate-papo

Assuntos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Tema desenvolvido pela Comunicação Social do Colégio Pedro II para WordPress