A Turma das Cavernas e o dia da fogueira

Publicado em

1

A Turma das Cavernas (turma 53) estava muito interessada e curiosa sobre como viviam os homens e as mulheres das cavernas. Uma das grandes curiosidades estava relacionada ao fogo: “como eles faziam fogo”?

A partir deste interesse, convidamos os pais de Guilherme de Abreu, Fábio e Andréa, que são escoteiros e sabiam fazer fogo de diferentes formas. Aguardamos ansiosamente pelo dia da visita e da nossa fogueira.

No dia 29 de agosto, a Turma das Cavernas recebeu Fábio e Andréa, que ensinaram as crianças a fazer uma fogueira e apontaram algumas considerações: não ficar próximo ao fogo, não fazer fogueira dentro de casa e da escola, não brincar com fogo para não causar danos à escola, às pessoas e aos professores.

A proposta foi realizada no local nomeado pela turma como “Floresta do Perigo” e, lá, as crianças descobriram a existência de algumas formas para fazer fogo: raio de sol batendo na lupa, pedras fazendo faíscas, pilhas com palha de aço, com a pederneira e o canivete.

2 3 3 5

A turma, então, catou folhas e usou a técnica de lupa com o raio de sol. Descobriu-se que a mão embaixo esquenta muito!

Na segunda experiência de produção de uma fogueira, juntou-se folhas e gravetos e as faíscas da pilha com o bombril pegou fogo rápido!

Após a produção de foto, o grupo assou bananas com açúcar e canela nas brasas da fogueira e comeu depois do almoço, como sobremesa.

6 7 8

Essa foi uma experiência inesquecível para toda a Turma das Cavernas, adultos e crianças!

Categorizado em Produções

Assuntos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Tema desenvolvido pela Comunicação Social do Colégio Pedro II para WordPress