Biblioteca Indica – 15ª edição

Publicado em

Dia Nacional do Teatro

Queridos Leitores,

Essa semana a Equipe da Biblioteca Hélio Fontes em sua décima quinta edição do Projeto Biblioteca Indica, nos convida a comemorar o Dia Nacional do Teatro, celebrado em 19 de setembro. No Brasil com a chegada dos jesuítas, tem início as primeiras representações teatrais, com a intenção de catequizar os indígenas, e inclui a literatura e o teatro, com conteúdo baseados em ensinamentos bíblicos. Inicialmente se utilizavam da associação entre simbolismo da cultura indígena e dogmas da igreja católica.

A transferência da família real para Rio de Janeiro incentivou construção de teatros e o surgimento de companhias de teatro. Em 1833, o ator João Caetano forma uma companhia de teatro brasileira com a intenção de reduzir influência de atores estrangeiros. A estreia como diretor foi com o espetáculo “O príncipe amante da liberdade ou A independência da Escócia”. Há que destacar a importância de dois autores no mesmo século: Martins Pena e Artur Azevedo. Martins Pena foi considerado o fundador da comédia de costumes, retratava através de seus personagens, o Brasil da época. Artur Azevedo, irmão do escritor Aluísio Azevedo, retratava de forma maliciosa e irônica a sociedade carioca.

Para conhecer mais sobre os autores:

Links:

https://www.academia.org.br/academicos/martins-pena/biografia https://www.academia.org.br/academicos/artur-azevedo/biografia

As companhias de teatro impulsionaram o teatro brasileiro, tendo em vista a estrutura montada e a profissionalização do ofício do ator. Podemos destacar o Teatro Brasileiro de Comédia (TBC) e Teatro dos Sete. O Teatro dos Sete tinha em sua formação atores como Fernanda Montenegro, Sérgio Britto, Fernando Torres dentre outros.

Para conhecer melhor as companhias que foram tão importantes para o teatro brasileiro:

http://enciclopedia.itaucultural.org.br/grupo112774/teatro-brasileiro-de-comedia

http://enciclopedia.itaucultural.org.br/grupo399332/teatro-dos-sete

Alguns dramaturgos de destaque no século XX: Oswald de Andrade, Nelson Rodrigues, Gianfrancesco Guarnieri, Dias Gomes, Oduvaldo Vianna Filho. Não podemos esquecer da importância de atores como Bibi Ferreira, Fernanda Montenegro, Sérgio Brito, Paulo Autran e muitos outros de grande relevância que pela dedicação e profissionalismo, marcaram o teatro nacional.

Essa é apenas parte da história do teatro brasileiro que continua pulsante até os dias atuais.

Então queridos leitores, o Biblioteca Indica da Semana apresenta o vídeo 5 minutos sobre: Teatro brasileiro  do canal  LiteraBrasil

 

 

Comunicação Social do Campus Engenho Novo II

Categorizado em #BibliotecaIndica, Biblioteca

Assuntos:

Tema desenvolvido pela Comunicação Social do Colégio Pedro II para WordPress