Décima edição do #BI faz homenagem a Bernardo Guimarães

Publicado em

Bernardo Guimarães-site

A Biblioteca Professor João Baptista de Mello e Souza traz nesta 10ª edição do Projeto #BibliotecaIndica uma homenagem ao romancista e poeta brasileiro Bernardo Joaquim da Silva Guimarães, o Bernardo Guimarães, autor do célebre romance “A Escrava Isaura”.

Nascido em 15 de agosto de 1825, em Outo Preto, e patrono da Cadeira nº 5 da Academia Brasileira de Letras e da cadeira nº 15 da Academia Mineira de Letras, Bernardo Guimarães publicou o romance que se tornaria um marco na literatura abolicionista em 1875.  Ao longo desses 146 anos, a obra continua um grande sucesso, sendo traduzida em vários idiomas e adaptada para o cinema e televisão.

Por duas vezes, as emissoras Rede Globo (1976) e Record TV (2004) exibiram a novela baseada na obra de   Bernardo Guimarães. A telenovela ganhou ainda projeção no exterior, tendo sido um grande sucesso em Portugal.  Venezuela, Chile, República Dominicana, Argentina, Estados Unidos, Porto Rico, foram alguns dos países onde a obra foi exibida.

Realidade cruel

“Apesar da temática da escravidão abordada na obra ser um período da nossa história que nos remete ao sofrimento, o escritor Bernardo Guimarães soube com perfeição retratar uma realidade cruel. Ele descreve as condições degradantes que os escravizados viviam naquela época, o desprezo, a desigualdade, a perversidade e autoridade dos senhores de engenho para com seres humanos vistos apenas como mercadorias, sem direito algum, tolhidos da liberdade. Acredito que o sucesso da obra de deve à genialidade do escritor de trazer para a literatura a

vida dolorosa dos escravizados”, ressaltou Maria da Conceição Novaes Dias, chefe da Equipe da Biblioteca do Humaitá II.

Embora “A Escrava Isaura” seja reconhecidamente um sucesso que marcou a trajetória do autor, Bernardo Guimarães possui uma produção literária significativa e, por isso, merece ser lembrado na data do seu aniversário, de acordo com a bibliotecária.

Domínio público

Por isso, a Equipe da Biblioteca fez uma seleção das obras do autor, sendo todas atualmente em domínio público. Além do destaque dado à obra famosa, outros títulos da produção integram a lista de indicações, entre eles “O Seminarista” (1872), “O Garimpeiro” (1872) e mais 22 títulos disponíveis no Portal Domínio Público.

A equipe também selecionou dois vídeos sobre o autor. O primeiro trata-se de uma videoaula do Canal Aula de do professor Bira: “Literatura – ENEM: Exercício XXXVII: Romance Romântico: Bernardo Guimarães”, que aborda questões sobre a obra “A Escrava Isaura”. O segundo vídeo é um audiolivro sobre a mesma obra, do Canal Ibamendes, que faz parte do Projeto Livro Livre, gravado e masterizado nos estúdios da Fundação Dorina Nowill para Cegos.

#BibliotecaIndica: Bernardo Guimarães

Confira outras edições do #BibliotecaIndica

Logo TELEGRAM Rodapé Comunicação

Assuntos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Tema desenvolvido pela Comunicação Social do Colégio Pedro II para WordPress