História da África

Estrutura Curricular

A estrutura curricular visa fornecer o instrumental teórico-metodológico e historiográfico necessário à realização de trabalhos monográficos respaldados em práticas pedagógicas na área de Ensino de História da África no prazo previsto de doze meses. Para alcançar tal objetivo, o curso lato sensu prevê a realização de oficinas e disciplinas presenciais e à distância, correspondentes a 360 horas. Será obrigatório ao discente a inscrição e a aprovação em todas as disciplinas e seminários.

 

Ensino de História da África

Primeiro Semestre

Disciplinas

CH

Relações étnico-raciais no cotidiano escolar
Prof.ª Ma. Alessandra Pio
Prof.ª Ma. Carolina Medeiros

33h

Ensino de História da África no Brasil
Prof. Dr. Rodrigo Cesar da Silva Magalhães

33h

História da África contemporânea
Prof. Dr. Adjovanes Thadeu Almeida

33h

Metodologia do Trabalho Científico
Prof.ª Dr.ª Ana Maria Ribas

33h

Seminário de Pesquisa I

40h

Atividades Acadêmicas e Oficinas

8h

Segundo Semestre

Disciplinas

CH

Representações do imaginário da África e do africano no Brasil
Prof. Esp. Arthur José Baptista

33h

Percursos e Enunciações historiográficas da escravidão negra: visões de Brasil
Prof.ª Dr.ª Ana Maria Ribas

33h

Memória silenciadas e enquadradas: o pós-abolição no Brasil
Profª Drª Silvana Bandoli Vargas

33h

História da África entre os séculos IX e XVI e a reelaboração de narrativas no ensino de História
Prof. Me. Higor Ferreira
Prof. Me. Paulo Antonio Barbosa

33h

Seminário de Pesquisa II

40h

Atividades Acadêmicas e Oficinas

8h

Trabalho Final

100h

CARGA HORÁRIA TOTAL

360h

Ementas – Ensino de História da África

 

Linhas de Pesquisa

  1. Formação de professores e Ensino de História da África
  2. Sociedade, Escola e Ordenação Jurídica

 

Avaliações e Trabalho final

A avaliação do docente será expressa por meio de notas, de zero a cem. Cada disciplina realizará a avaliação de acordo com a ementa apresentada, os conteúdos, temáticas e atividades propostas e desenvolvidas durante o curso tanto nas aulas presenciais quanto nas oferecidas pela plataforma de educação à distância Moodle.

Ao final do curso deverá ser entregue um trabalho monográfico com uma proposta de prática pedagógica no campo do Ensino de História da África. Para aprovação e concessão do título de especialista, são necessárias:

  1. Obtenção de nota superior a 70 (setenta) na avaliação de cada disciplina;
  2. Aprovação de trabalho final do curso avaliado por banca constituída para tal fim;
  3. Frequência igual ou superior a 75% em cada disciplina, incluídas as atividades em EaD.

O trabalho final será apresentado a uma banca de três professores, cuja composição deve ser aprovada pelo colegiado do curso.  A composição necessariamente deve contemplar o orientador e, no mínimo, um professor do curso. O terceiro componente da banca pode ser um professor convidado, com aprovação pelo colegiado do curso, preferencialmente do Colégio Pedro II.