História da África – Apresentação

A Especialização em Ensino de História da África é um curso de pós-graduação lato sensu de modalidade presencial. A experiência na Educação Básica é um diferencial do corpo docente que dialoga com uma diversidade de interesses, o que abrange múltiplos temas e abordagens do campo da história e da área educacional.

O curso é uma iniciativa do Departamento de História em parceria com o Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros com o objetivo de aprimorar a formação continuada de professores de História.

Objetivos

  • Contribuir para o desenvolvimento e a atualização de professores do Ensino Básico por meio do desenvolvimento de atividades de crítica histórica e historiográfica.
  • Incentivar a integração entre a Escola Básica e Pós-graduação, não só através de eventos conjuntos — simpósios, palestras, seminários etc. — mas também através da realização de atividades conjuntas, através do desenvolvimento de projetos de pesquisa e de extensão no âmbito das linhas de pesquisa no campo do ensino de História.
  • Propor atividades onde as práticas pedagógicas possam resultar em novas experiências metodológicas interdisciplinares e transdisciplinares.

Público alvo

Professores graduados em História ou áreas afins. É pré-requisito para a candidatura a uma das vagas possuir diploma ou certificado de conclusão de licenciatura, emitido por instituição de Ensino Superior reconhecida pelo MEC.

Estrutura curricular

Clique aqui para fazer o download da estrutura curricular do curso.

Estrutura Curricular – Ensino de História da África

Avaliação

As avaliações das disciplinas comportam, obrigatoriamente, um resultado prático capaz de exemplificar como o que foi apreendido pelo professor e que pode ser utilizado, com as devidas adequações, em propostas pedagógicas variadas em turmas de Ensino Fundamental e Ensino Médio. Os resultados das avaliações serão expressos por meio de notas, de 0 (zero) a 100 (cem). Cada disciplina realizará a avaliação de acordo com a ementa apresentada, os conteúdos, temáticas e atividades propostas e desenvolvidas durante o curso.

Ao final do curso deverá ser entregue um trabalho monográfico ou uma proposta de prática pedagógica no campo do ensino de História. O trabalho final será apresentado a uma banca de três professores, cuja composição deve ser aprovada pelo colegiado do curso.  A composição necessariamente deve contemplar o orientador e, no mínimo, um professor do curso. O terceiro componente da banca pode ser um professor convidado, com aprovação pelo colegiado do curso.

Para aprovação e concessão do título de especialista são necessárias:

  • Obtenção de nota superior a 70 (setenta) na avaliação de cada disciplina
  • Aprovação de trabalho final do curso avaliado por banca constituída para tal fim
  • Frequência igual ou superior a 75% em cada disciplina.