Educação Psicomotora

Edital aberto

1. Apresentação

A Especialização em Educação Psicomotora é um curso de pós-graduação lato sensu de modalidade presencial. O curso visa capacitar profissionais de modo a prepará-los para uma intervenção consciente e competente com bases na Psicomotricidade na área de Educação, estimulando-os ao estudo e à compreensão dos processos de desenvolvimento e estruturação do sujeito, por meio da perspectiva integrada das teorias contemporâneas cognitivas, das neurociências, da Filosofia da Diferença, da Psicanálise e das bases psicomotoras.

O curso é um oferecimento do Núcleo de Atendimento às Pessoas com Necessidades Específicas (NAPNE) do Colégio Pedro II.

O Curso de Especialização em Educação Psicomotora do Colégio Pedro II é reconhecido pela Associação Brasileira de Psicomotricidade – ABP.

Para saber mais: www.psicomotricidade.com.br

Objetivos

Objetivo Geral

Formar Especialistas em nível de Pós-graduação, “Lato Sensu” para uma intervenção consciente e competente com bases na Psicomotricidade na área de Educação, estimulando-os ao estudo e à compreensão dos processos de desenvolvimento e estruturação do sujeito, por meio da perspectiva integrada das teorias contemporâneas cognitivas, das neurociências, da Filosofia da Diferença, da Psicanálise e das bases psicomotoras.

Objetivos Específicos
  • Promover o estudo, a reflexão e a vivência dos fundamentos da Psicomotricidade, estimulando a pesquisa, numa visão holística e integrativa do ser humano;
  • Atualizar profissionais da área de Educação, nos conhecimentos em relação ao desenvolvimento psicomotor do ser humano, viabilizando um trabalho pedagógico mais adequado no processo educativo;
  • Refletir sobre a importância da Educação Psicomotora no processo de desenvolvimento intelectual e emocional do ser humano e suas afetações no corpo dos educadores e no processo de aprendizagem dos educandos;
  • Desenvolver habilidades e competências para intervenções psicomotoras, a partir de hipóteses diagnósticas.
  • Ampliar o conhecimento sobre o desenvolvimento típico e atípico, propondo possibilidades de trabalhos educacionais, pelo viés da Psicomotricidade.

Público alvo

Graduados nas áreas da Educação Básica e áreas afins, como: Assistência Social, Psicopedagogia, Fonoaudiologia, Educação Física e Psicologia, com diploma emitido por Instituição de Ensino Superior oficial reconhecido pelo Ministério da Educação.

Pré-requisitos

  • Apresentar a documentação exigida para a inscrição no processo de seleção.
  • Obter aprovação e classificação na Prova Escrita a ser realizada durante o processo de seleção.
  • Ser profissional da Área de Educação Básica ou das Áreas de Assistência Social, Psicopedagogia, Fonoaudiologia, Educação Física ou Psicologia, tendo diploma ou certidão de conclusão em um desses cursos de graduação, emitido por Instituição de Ensino Superior oficial, reconhecida pelo Ministério da Educação.

Perfil Profissional do Egresso

  • Profissionais com frequência em leitura de material técnico da área;
  • Profissionais com frequência de trabalho corporal como formação pessoal;
  • Profissionais com experiência na promoção e mediação de práticas psicomotoras no contexto educativo;
  • Profissionais atuando na área de Educação Básica pelo viés da Psicomotricidade.

Concepção do Programa

O Curso foi criado com o intuito de atender uma demanda sobre os conhecimentos da área da Psicomotricidade que, a partir da década de 1990, foram introduzidos em algumas áreas de formação ligadas à Educação e à Saúde, mas não eram aprofundados significativamente para atender as questões psicomotoras de um ser humano cada vez menos cartesiano.

Para tanto, lançamos mão de abordagens teórico-práticas dos principais autores europeus e soviéticos com produções a partir da década de 1960, de alguns autores americanos a partir  da década de 1990 e de autores latino americanos a partir da década de1980, incluindo os povos originários do Brasil e do restante da América Latina, com sua sabedoria ancestral sobre o corpo em relação à natureza que é e da qual faz parte.

Como perspectiva na formação dos profissionais, buscamos estimular o estudo e a prática de aspectos vivenciais na formação e o uso da técnica de supervisão em Psicomotricidade como condição do trabalho profissional.

Aspectos Metodológicos

O curso se pauta por intervenções baseadas na Metodologia da Problematização (BERBEL, 1996) e na indissociabilidade entre teoria, formação pessoal e prática profissional no contexto educativo.

As dinâmicas das aulas teóricas e práticas são norteadas pelo viés inclusivo, valorizando a diversidade de condições físicas e mentais, de gênero, cultura, raça e de diferentes regiões e formas de viver no país. Para tanto, é fundamental evidenciar, respeitar e valorizar a riqueza do multiculturalismo que constitui a formação do povo brasileiro, promovendo, também, dignidade humana, igualdade de direitos e democracia na Educação, como propõe as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação em Direitos Humanos, conforme Resolução do CNE/CP, nº 1, de 30 de maio de 2012.

As aulas também se alicerçam nas práticas que evidenciem os direitos ambientais, conforme Resolução do CNE/CP, nº 2, de 15 de junho de 2012, sobre as bases da Educação Ambiental, investindo em um campo político produtor de valores e práticas de uma educação emancipatória, ética e promotora de cidadania ambiental.

O curso conta, quando necessário, com aulas por meio de Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs), como forma de facilitar o acesso dos estudantes aos conteúdos e práticas educacionais, porém ressaltando que essa possibilidade não invalida a necessidade das aulas prioritariamente presenciais para a formação do psicomotricista.

Nas aulas presenciais, objetivamos alcançar a integração teoria e prática, principalmente através das práticas psicomotoras (dinâmicas, sensibilizações, dramatizações e vivências corporais), essenciais à formação pessoal e profissional do pós-graduando.

Estrutura curricular

Clique aqui para fazer o download da estrutura curricular do curso.

Estrutura Curricular – Educação Psicomotora

Ementas

Clique aqui para fazer o download das ementas do curso.

Ementas – Educação Psicomotora

Avaliação

A Avaliação das disciplinas do curso se dará através de instrumentos variados, determinados pelos docentes para cada disciplina, podendo ser, trabalhos teóricos, trabalhos práticos de vivência corporal, resenhas críticas, produção de materiais para uso na prática da Psicomotricidade Educacional, Seminários ou outros instrumentos de avaliação a escolha dos docentes, contanto que coerentes com a ementa em questão e que os pós-graduandos tenham notas que variem, na média da disciplina, de 0 a 10, sendo que a aprovação se dará por média de nota superior, ou igual a 7,0 (sete).

Obs.: Cabe aos docentes explicitar em seus planejamentos o critério escolhido, assim como apresentar os documentos/produtos das avaliações aos pós-graduandos.

O trabalho de conclusão de Curso (TCC) deve ser na forma de Monografia ou Artigo, seguindo as Normas da ABNT e o Tutorial para Elaboração de Monografias e Artigos de Pós-Graduação do Colégio Pedro II, e deverá ser apresentado a uma Banca Examinadora composta pelo professor orientador, um professor do curso e um professor convidado.

Após a defesa, ele poderá ser considerado:

  • Aprovado;
  • Aprovado, com sugestões de modificações, a serem realizadas em um período máximo de 30 dias e verificadas pelo(a) professor(a) orientador(a);
  • Defesa aceita condicionalmente, aguardando atendimento de exigências feitas pela Banca. O texto com as alterações exigidas deverá ser submetido aos membros da Banca Avaliadora, em um período máximo de 60 dias e uma nova Ata de Defesa deverá ser elaborada com o resultado definitivo da avaliação;
  • Reprovado.

Independentemente do resultado da avaliação do TCC, o pós-graduando deverá ter frequência igual, ou superior a 75% do número de horas/aula em cada disciplina, para ser aprovado na mesma.

Trabalhos de Conclusão

Clique aqui para acessar os trabalhos de conclusão produzidos pelo curso.

2. Corpo Docente

 

Professores Título Currículo
Camila Machado de Lima Doutora Lattes
Carlos Bezerra Cavalcante Neto Mestre Lattes
Célia Regina Nonato da Silva Loureiro Doutora Lattes
Cintia Tavares Ferreira Mestre Lattes
Cristie de Moraes Campello Doutora Lattes
Katia de Souza e Almeida Bizzo Schaefer Doutora Lattes
Maria Aparecida Etelvina Ivas Lima Especialista Lattes
Ricardo Carlos Santos Alves Mestre Lattes
Tatiana Ordonhes de Freitas Mello Mestre Lattes

Coordenadora: Katia de Souza e Almeida Bizzo Schaefer

3. Processo Seletivo

O Processo Seletivo será constituído por Exame Escrito e Carta de Intenções de caráter eliminatório e classificatório, composto por questões dissertativas. O Exame será formulado por Banca Examinadora, com base na bibliografia apresentada no Edital do Concurso e versará sobre temas ligados à Psicomotricidade e especificamente em relação à Educação Psicomotora.

Serão considerados aprovados no Exame Escrito e na Carta de Intenções os candidatos que obtiverem, na média de notas, o grau mínimo de 7,0 (sete) e que se classificarem dentro do número de vagas oferecidas.

Editais anteriores

4. Horário e Local

As aulas acontecem aos sábados, das 8:00 às 16:00, no Campus São Cristóvão II do Colégio Pedro II.

A disciplina de Estágio Supervisionado de Psicomotricidade na Educação Básica conta com horas de estágio que devem ocorrer em local e horário diferentes das aulas deste curso que ocorrem aos sábados, a combinar com os professores.

 

Colégio Pedro II – Campus São Cristóvão II
Campo de São Cristóvão, 177
São Cristóvão
Rio de Janeiro – RJ
CEP: 20921-903

 

Para maiores esclarecimentos:

katia.schaefer.1@cp2.edu.br