Alunos do Campus Niterói pesquisam sobre implantação de transporte gratuito em Maricá

Da esquerda para a direita: presidente da EPT, Fabiano Filho; diretor operacional da empresa, Igor Correa; Nathan Cunha, aluno do Campus Niterói; professor de Sociologia do campus  Marcelo Araújo e os alunos Lucas Nascimento e Eddie de Araújo


No dia 17 de janeiro alunos do Campus Niterói foram conhecer de perto o projeto Tarifa Zero, uma iniciativa inédita na área de transporte coletivo, implantando em 2014 pela Prefeitura de Maricá. Os alunos Eddie Felipe de Araújo, Lucas Nascimento Moura e Nathan Cunha da Silva, da 2ª série do Ensino Médio, foram acompanhados pelo professor de Sociologia Marcelo da Silva Araújo.


O grupo está realizando uma pesquisa acerca do projeto que disponibilizou linhas gratuitas de ônibus para toda a população de Maricá, conhecidos como ‘Vermelhinhos”.  No total, 18 veículos (13 ônibus e cinco micro-ônibus) circulavam diariamente pelo município, durante 24 horas.


Iniciada em agosto de 2016, a pesquisa faz parte do  projeto “Política Pública, Transporte e Cidadania – Ônibus Gratuito em Maricá”, que recebeu fomento do programa de Iniciação Científica Júnior, da Diretoria de Pesquisa do Colégio Pedro II.



FOTO: Alunos e professores do CPII durante visita à EPT


O grupo foi recebido pelo presidente da Empresa Pública de Transportes (EPT) de Maricá, Fabiano Filho. Segundo o presidente, o projeto é uma política pública que faz parte do que ele classificou de “conceito de estado”, em que o governo permite que haja exploração dos serviços, mas garante o serviço mínimo, que é sua obrigação.


Depois da visita à EPT, alunos e professores, acompanhados pelo coordenador operacional da empresa, Igor Corrêa, foram conhecer os ônibus que circulavam pela cidade desde dezembro de 2014, quando uma decisão liminar impediu a continuidade do projeto. As empresas concessionárias do transporte público se sentiram prejudicadas e recorreram à justiça. A Prefeitura de Maricá também recorreu e aguarda nova decisão judicial.


Pesquisa

A proposta da pesquisa é verificar o impacto socioeconômico que esse projeto de transporte gratuito provocou no município que conta atualmente com 140 mil habitantes. “Queremos saber se essa medida contribuiu para a criação de empregos diretos e indiretos e também como as pessoas utilizaram o dinheiro economizado do transporte”, explicou Marcelo. Estudos preliminares já apontam para um incremento de 12 a 15% no comércio local até abril do ano passado.



FOTO: Alunos e professores do CPII conhecem os ônibus do projeto Tarifa Zero


De acordo com Marcelo, o Tarifa Zero não concorria com as empresas, porque os ônibus da prefeitura faziam justamente os percursos que as concessionárias não atendiam, beneficiando populações que se encontram nos extremos do município. “Maricá carecia de uma política de transporte público, uma vez que as duas únicas empresas de ônibus do município não atendem adequadamente a população”, opinou o professor.


Os resultados da pesquisa serão conhecidos em breve, no final do ano letivo. A continuidade do projeto está nos planos do professor e dos alunos. “Vamos participar dos editais deste ano para ampliar a área da pesquisa e verificar como o projeto beneficiou as pessoas que moram nas extremidades do município de Maricá”, ressaltou Marcelo.


Depoimentos dos alunos participantes

 

“Estamos fazendo uma pesquisa em que envolve diretamente o município de Maricá, cidade onde eu sempre morei. Então, esse elemento deixa a pesquisa mais interessante, pois nós conhecemos a realidade do município.” Nathan Cunha da Silva

 

“Realizar esse projeto é ter uma excelente oportunidade de aperfeiçoar a minha formação, da pesquisa de campo à transcrição de entrevistas, de relacionar conceitos sociológicos às análises da conjuntura municipal, coisas que moldam a minha forma de ver o mundo e de me posicionar na sociedade.” Lucas Nascimento Moura

 

“Além de toda a experiência proporcionada pelo projeto, temos um incentivo do Colégio Pedro II, por meio de bolsas de pesquisa. Diante disso, gostaria de agradecer a toda a equipe que se empenha neste projeto.” Eddie Felipe de Araújo


Confira os depoimentos na íntegra no Conexão CP2.

 

 


Alunos de Niterói conhecem Vermelhinhos

 

Comunicação Social

 

 

Acessos Hoje:6806  Total Acessos:12840183