CPII 180 anos: colégio alia tradição a nova visão de gestão e transparência

 

Em junho de 2012, a equiparação do Colégio Pedro II aos Institutos Federais trouxe grandes transformações tanto na estrutura administrativa quanto pedagógica do colégio. Para atender a essas mudanças, a instituição precisou se modernizar, aprimorando seus processos de gestão.

 

Com essa visão, uma série de ações e projetos foram colocados em prática visando o desenvolvimento da instituição. Foi assim que, em 2014, de forma inédita, o Colégio Pedro II norteou suas ações por meio de um Planejamento Estratégico para o período de 2015 a 2018. A iniciativa, que contou com consultoria da Fundação Getulio Vargas (FGV), elencou os processos mais críticos que precisavam ser aprimorados na instituição e acompanhou o desenvolvimento de projetos que têm como objetivo aumentar a eficiência e eficácia das atividades institucionais, tanto no âmbito administrativo quanto pedagógico.

 

FOTO: Adriana Trein, a pró-reitora Vera Medalha, Andréa Chianello e Raquel Simões - parte da equipe da Diretoria de Gestão do Conhecimento

 

Em agosto, a Pró-Reitoria de Planejamento e Desenvolvimento Institucional (Prodi) divulgou um balanço dos projetos contemplados no Planejamento Estratégico, desenvolvidos pela reitoria e pró-reitorias. Segundo Andréa Chianello, diretora de Gestão do Conhecimento, os projetos tiveram resultados positivos e muitos se desdobraram em novos projetos importantes para a instituição. “Esse movimento fez com que o colégio produzisse mais. Se analisarmos como o colégio estava há cinco anos atrás, vemos o quanto nos desenvolvemos e nos adequamos às exigências do governo”, analisou, destacando que o planejamento serviu ainda para iniciar um processo de mudança da cultura organizacional da instituição, até então muito verticalizada, com o diálogo entre diferentes setores.

 

“O planejamento para nossa instituição é essencial. Estamos em uma fase de nos reconstruir. Desde 2012 nos tornamos uma instituição com as diversas áreas de uma instituição de ensino superior, mas sem esquecer que trabalhamos com educação básica. Esses processos e projetos buscam apontar a melhor forma de investir, administrativamente, o orçamento e o pessoal. Temos buscado ações para auxiliar os gestores a repensarem suas ações dentro dos campi e da reitoria”, pontuou a pró-reitora de Planejamento e Desenvolvimento Institucional, Vera Medalha.

 

Traçando o perfil institucional

Nesse período, o CPII deu atenção ao trabalho de pesquisa, monitoramento e levantamento de dados estatísticos da instituição. Assim, foi criada o projeto CPII em Números, que traça um perfil socioeconômico dos estudantes. As informações destes relatórios foram levantadas pelos Observatórios, setores responsáveis pelas ações locais de pesquisa, avaliação e monitoramento nos campi e no Centro de Referência em Educação Infantil Realengo, criados em 2015.

 


Projetos traçam perfil do estudante do CPII

 

Ainda visando a transparência, o colégio também disponibilizou a Carta de Serviços ao Cidadão, documento que informa sobre os serviços oferecidos pela instituição e como ter acesso a eles, uma exigência do Programa Nacional de Gestão Pública e Desburocratização (Gespública), e o Plano de Dados Abertos, que permite ao cidadão o acesso a dados abertos de informações como quantidade de servidores, editais de concursos e outras de interesse.

 

Em 2016, o CPII lançou o projeto Cadastramento de Egressos, que busca reunir informações sobre a trajetória acadêmica e profissional dos ex-alunos da instituição e já conta com mais de 4,5 mil participações. “A ideia é conseguir comparar os resultados do CPII em Números com o do Cadastramento de Egressos para ver como a nossa escola está mudando. Estamos colhendo também a impressão dos ex-alunos sobre os cursos técnicos oferecidos aqui. Com esses resultados, podemos ajudar a Pró-Reitoria de Ensino a repensar os cursos técnicos que são interessantes de serem promovidos”, destacou Vera Medalha.

 

 

CPII 180 anos: comunidade tem participação inédita em nova política pedagógica e institucional

CPII 180 anos: colégio abre as portas à comunidade externa com projetos para todas as idades

CPII 180 anos: trajetória que se confunde com a história do ensino no Brasil

 

 

 

Assessoria de Comunicação Social

 

Acessos Hoje:8092  Total Acessos:12841469