Ideologia em imagens: o PIBID e a atividade com turmas de 1ª série do Ensino Médio

Marcelo da Silva Araujo, Marvin Oliveira Coutinho, Victor Martins

Resumo


: o artigo relata uma experiência no debate sobre o tema ideologia em turmas da 1ª série do Ensino Médio do campus Niterói do Colégio Pedro II/RJ, no âmbito das atividades do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID). Atendendo aos temas do programa curricular (Ideologia, indústria cultural e Contra-Hegemonia), discutiu-se a relação entre ideologia, indústria cultural e seu efeito corrente, o consumismo, nas transmissões da mídia do sistema capitalista. Apresentando três vídeos, captados do Youtube, e um texto de José Rodorval Ramalho, empenhamo-nos em uma discussão coletiva baseados nos vídeos, texto e o conteúdo aprendido nas interações pedagógicas. Tendo por hipótese o fato de que as propagandas de produtos na mídia ocidental capitalista conseguem emitir uma inequívoca, apesar de interpretativa, mensagem que associa consumo e existência social, os resultados, além da percepção e da tessitura das relações entre teoria e realidade social pelos educandos, demonstraram que estes identificam as propagandas no mundo capitalista como geradoras e veiculadoras de ideologias de consumo, as quais reproduzem padrões de status quo, cuja mensagem associa sucesso e realização como aspectos que só serão alcançados mediante o enquadramento à formula capitalista do TER mais que SER. Assim, pudemos perceber a evocação do sociólogo Émile Durkheim, de Karl Marx, além das reflexões do filósofo esloveno Slavoj Žižek como referências conceituais feitas pelos próprios educandos em seu tratamento do tema.


Palavras-chave


Ensino de Sociologia. Ensino Médio. Ideologia. Indústria Cultural. Consumismo.

Texto completo:

PDF

Referências


ADORNO, Theodor. Conceito de Iluminismo. Os Pensadores. São Paulo: Nova Cultural, 1999.

BRASIL. MEC. Orientações curriculares para o Ensino Médio. Ciência, humanas e suas tecnologias. Conhecimentos de Sociologia. Brasília, 2006. Disponível em: http://www.cespe.unb.br/vestibular/1vest2010/guiadovestibulando/book_volume_03_internet.pdf. Acesso em 12/04/2017.

DURKHEIM, Émile. O que é um fato social? As regras do Método Sociológico. São Paulo: Martins Fontes, 2007.

FARIAS, Isabel Maria Sabino e ROCHA, Cláudio César Torquato. PIBID: uma política de formação docente inovadora? Revista Cocar, Belém, vol. 6, nº.11, jan./jul. 2012.

HORKHEIMER, Max e ADORNO, Theodor. Dialética do Esclarecimento. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1997.

MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. A base real da ideologia. A Ideologia Alemã. São Paulo: Martins Fontes, 1998.

OLIVEIRA, Amurabi e BARBOSA, Vilma Soares Lima. Formação de professores em Ciências Sociais: desafios e possibilidades a partir do estágio e do PIBID. Inter-Legere, Natal, nº 13, jul./dez. 2013.

RAMALHO, José Rodorval. Ideologia: o que devemos saber? SOUZA, Rosenval de Almeida (org.). Sociologia para o Ensino Médio: conteúdos e metodologias, Campina Grande: Editora da UFCG, 2012.

SILVA, Afranio. et al. Cultura e ideologia. Sociologia em Movimento. São Paulo: Moderna, 2013.

SILVA, Maria Jéssica Ferracini Inácio; SOUSA, Linyeker Welison Valverde Oliveira; COSTA, Suellen Monteiro; SOUZA, Ailton; FRANÇA, Carlos Eduardo. PIBID-Ciências Sociais: Indústria Cultural e as relações de consumo na sala de aula. Anais do 5° Epex UEMS e 8° Enepe UFGD, 2014.

SILVEIRA, Elisabete C.C.; PEREIRA, Natália; MOURA, Wallace. Sociologia no Ensino Médio e o PIBID: brincando, pensando e construindo práticas educativas com autonomia. Revista Interinstitucional Artes de Educar, Rio de Janeiro, v. 2 nº. 3, out./jan. 2016.

WEBER, Max. Conceitos sociológicos fundamentais. Economia e sociedade. Brasília: EdUNB, 1988.




DOI: http://dx.doi.org/10.33025/ceb.v3i1.1794

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2525-2879 

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.