TEORIAS E PRÁTICAS DO ENSINO E APRENDIZAGEM: DA RELAÇÃO COM O SABER AO EXERCÍCIO DAS PRÁTICAS EDUCACIONAIS

Juliane dos Santos, Amanda dos Santos Dória Sandes, Maria Silene da Silva

Resumo


O estudo ora apresentado teve por objetivo abordar questões relacionadas a teorias do ensino e aprendizagem e como estas inferem nas práticas educativas. Além disso, discutir como as práticas do ensino e aprendizagem rebatem tanto no processo de formação de professores como nos processos avaliativos, uma vez considerada a transversalidade dos temas. Trata-se de um artigo de revisão bibliográfica subsidiado a partir de discussões em sala de aula entre discentes e docentes da disciplina “Teorias e Práticas do Ensino e Aprendizagem” acerca da política educacional e sua relação com a Educação Profissional e Tecnológica no Brasil. A disciplina faz parte da estrutura curricular obrigatória do Mestrado Profissional em Educação Profissional e Tecnológica (ProfEPT) proposto pela Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica. Os resultados apontam para uma indissociabilidade existente entre teoria e prática no processo de ensino e aprendizagem, uma vez que as práticas educativas por nós desenvolvidas subjazem uma teoria educacional por nós adotada.

Palavras-chave


Educação; Formação docente; Aprendizagem; Ensino; Avaliação.

Texto completo:

PDF

Referências


ANTUNES, Ricardo. Os Sentidos do Trabalho: Ensaio sobre a afirmação e a negação do trabalho. 2. ed. São Paulo: Boitempo Editorial, 2009. 287 p.

ARAÚJO, Ronaldo Marcos de Lima; FRIGOTTO, Gaudêncio. Práticas pedagógicas e ensino integrado. Revista Educação em Questão. Natal, v. 52, n. 38, p. 61-80, mai./ago. 2015.

BARATO, Jarbas Novelino. Conhecimento, trabalho e obra: uma proposta metodológica para a Educação Profissional. B. Téc. Senac: a R. Educ. Prof., v.34, n. 3, set/dez. 2008.

BERTRAND, Yves. Teorias contemporâneas da educação. 2. ed. Lisboa: Instituto Piaget, 2001.

CHARLOT, Bernard. Da relação com o saber às práticas educativas. 1. ed. São Paulo: Cortez, 2013.

COMENIUS. Iohannis Amos. Didactica Magna. Copyright: Fundação Calouste Gulbenkian, 2001. 179 p. E-book. Disponível em: http://www2.unifap.br/edfisica/files/2014/12/A_didactica_magna_COMENIUS.pdf. Acesso em: 04 jun. 2019.

FRANCO, Maria Amélia do Rosário Santoro. Prática pedagógica e docência: um olhar a partir da epistemologia do conceito. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, Brasília, v. 97, n. 247, p. 534-551, set./dez., 2016.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia. 57. ed. Rio de Janeiro / São Paulo: Paz e Terra, 2018.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. 63. ed. Rio de Janeiro / São Paulo: Paz e Terra, 2017.

FRIGOTTO, Gaudêncio. A relação da educação profissional e tecnológica com a universalização da educação básica. In: MOLL, J. et al. Educação profissional e tecnológica no Brasil contemporâneo: desafios, tensões e possibilidades. Porto Alegre: Artmed, 2010, p. 25-41.

GOMES, Heloisa Maria; MARINS, Hiloko Ogihara. A ação docente na educação profissional. São Paulo: Ed. Senac, São Paulo, 2013.

GRAMSCI, Antonio. Cadernos do Cárcere. vol. 2. Intelectuais, princípio educativo, jornalismo. 2. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2001.

KUENZER, Acácia Zeneida. As politicas de educação profissional: uma reflexão necessária. In: MOLL, Jaqueline. Educação Profissional e Tecnológica no Brasil contemporâneo: desafios, tensões e possibilidades. Porto Alegre: Artmed, 2010, p. 253-270.

LIBÂNEO, José Carlos. Tendências pedagógicas na prática escolar. In: LIBÂNEO. Democratização da Escola Pública: a pedagogia crítico-social dos conteúdos. São Paulo:

Loyola, 1992.

LUCKESI, Cipriano Carlos. Avaliação da aprendizagem escolar: estudos e proposições. 22. Ed. São Paulo: Cortez, 2011.

MANACORDA, Mario Alighiero. Marx e a pedagogia moderna. 2. ed. rev. Campinas: Alínea, 2010.

MOREIRA, Marco Antonio. Teorias de aprendizagem. 2. ed. São Paulo: E.P.U., 2018.

MOURA, Dante Henrique; LIMA FILHO, Domingos Leite; SILVA, Mônica Ribeiro. Politecnia e formação integrada: confrontos conceituais, projetos políticos e contradições históricas da educação brasileira. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 20, n. 63, p. 1057-1078, out./dez. 2015.

RAMOS, Marise. Ensino médio integrado: ciência, trabalho e cultura na relação entre educação profissional e educação básica. In: MOLL, Jaqueline. Educação Profissional e Tecnológica no Brasil contemporâneo: desafios, tensões e possibilidades. Porto Alegre: Artmed, 2010, p. 42-57.

RAMOS, Marise. Possibilidades e desafios na organização do currículo integrado. In: FRIGOTTO, Gaudêncio (Org.); CIVATTA, Maria (Org.); RAMOS, Marise (Org.). Ensino médio integrado: concepção e contradições. 3. ed. São Paulo: Cortez, 2012, p. 107-128.

SAVIANI, Dermeval. História das ideias pedagógicas no Brasil. 4. ed. Campinas, São Paulo: Autores Associados, 2013.

SAVIANI, Dermeval. Sobre a concepção de politecnia. Rio de Janeiro: Fiocruz, 1989.

SHULMAN, Lee S. Conhecimento e ensino: fundamentos para a nova reforma. Cadernos Cenpec, São Paulo, v. 4, n. 2, p. 196 – 229, dez. 2014.




DOI: http://dx.doi.org/10.33025/ceb.v6i3.2992

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2525-2879 

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.