Prática Musical na Escola Pública do Rio de Janeiro

Rosa Fuks

Resumo


Trata-se de uma pesquisa a respeito da prática musical da escola pública do Rio de Janeiro e, através de uma abordagem histórica, procura entender a trajetória do professor de música da instituição.

 


Palavras-chave


História da Educação Musical; Prática Musical; Professores de Música da Escola Pública.

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, Judith Morrison. Aulas de Canto Orfeônico. São Paulo: Comp. Ed. Nacional, 1953.

ARRUDA, Yolanda de Quadro. Elementos de Canto Orfeônico. Brasil: Irmãos Vitale, 1950.

AZEVEDO, Fernando. A Cultura Brasileira. São Paulo: Comp. Ed. Nacional, 1944.

BARROS, C. Paula. O Romance de Villa-Lobos. Rio de Janeiro: Ed. A Noite, s.d.

BEUTTENMÜLLER, Leonilda Linhares. O Orfeâo na Escola Nova. Rio de Janeiro: Irmãos Pongetti Ed., 1937.

COSTA, Carlinda Filgueiras Lima. Canto a Solo Coral Orpheão. Rio de Janeiro: s.n.t.

ENSICLOPÉDIA DA MÚSICA BRASILEIRA. São Paulo: Cultura Ed., 1977.

FERNANDES, Ocar Lorenzo. O Canto nas Escolas. Revista Brasileira de Música, junho, p. 25-35, 1938.

FUKS, Rosa. O Discurso do Silêncio. Rio de Janeiro: Enelivros, 1991.

GAZETA MUSICAL. Rio de Janeiro: imprenssa a vapor H. Lombaerts e Comp., Anno I, n.1; Anno II, no. 1-3, 5-11, 13-15, 20, 21, 23; Anno III, no. 1, 4 de 1891, 1892, 1893.

GOMES JÚNIOR, João, CARDIM, Carlos A. O Ensino da Música pelo Methodo Analytico. São Paulo; Typ. Siqueira Nagel e Col., 1915.

JOPPERT, Maria Augusta. A Educação Musical e o Canto Orfeônico na Cidade do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Divisão de educação complementar, Serviço de Educação Musical, Secretaria de Educação e Cultura, Departamento de Educação Média e Superior, 1965. (mimeografado).

LAPASSADE, Georges. Grupos, organizações e instituições. Rio de Janeiro: F. Alves, 1983.

LEITE, Miriam Moreira (org.) A condição feminina no Rio de Janeiro no século XIX. São Paulo: Hucitec; Brasília: INL, Fundação Nacional Pró-Memória, 1984.

LIMA, Florencio de Almeida. Elementos Fundamentais da Música. Rio de Janeiro: s. ed., 1950.

LOURAU, René. A análise institucional. Petrópolis: Vozes, 1975.

LOZANO, Fabiano R. O canto nas escolas primárias de São Paulo. Boletim Latino Americano de Música. São Paulo: II, no.2, abr.,1936, p. 411-416.

MACHADO, Maria Célia Marques. Heitor Villa-Lobos: ação e criação diante do duplo enfoque de preservação da cultura. Dissertação (Mestrado em Educação). Rio de Janeiro: Faculdade de Educação Centro de Filosofia e Ciências Humanas, UFRJ, 1982.

MANSO, Frederico Archer de Britto. Examinattion of music education philosophy and practices in grades on through four of the Municipoal Primary Schools in Rio de Janeiro. Dissertação (Mestrado em Educação Musical). Florida: Coral Gobles, University of Miami, 1987.

MOACYR, Primitivo. A instrução e o império. São Paulo: Ed. Nacional, 1938.

NOGUEIRA, Lacerda. A mais antiga escola do Brasil. Nictheroy: Officinas Graphicas do “Diário Oficial” do Estado do Rio de Janeiro, 1938.

NOTICIARIO RICORDI, São Paulo, anno II, no.3, março, 1939.

PEREIRA, Antonio de Sá. Ideias de Busoni sobre o Movimento Actual da Música. Ariel. São Paulo, anno 1, no. 1, out., p. 4-8, 1923.

PRIOLLI, Maria Luisa de Mattos. Princípios Básicos da Música para a Juventude. Rio de Janeiro: Conquista, 1953. (paginação irregular).

RIBEIRO, João Carlos (org.). O Pensamento Vivo de Heitor Villa-Lobos. São Paulo: Martin Claret, Ed., 1987.

ROMANELLI, Otaíza de Oliveira. História da Educação no Brasil. Petrópolis: Vozes, 1978.

SILVA, Francisco Balthazar da. História do instituto de educação. Distrito Federal: Officinas Gráficas do Departamento de Prédios e Aparelhamentos Escolares da Secretaria Geral de Educação e Cultura da Prefeitura do D. F., 1954.

VILLA-LOBOS, Heitor. Canto Orfeônico. Adotado oficialmente em todas as instituições que praticam o canto orfeônico. Rio de Janeiro: Irmãos Vitale, s.d.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


      ISSN 2594-407X

 

                                       URL: https://cp2.g12.br/ojs/index.php/interludio

                                           email: interludiorevista@hotmail.com

 

                                     Publicação do Departamento de Educação Musical (DEM)

                                                         em parceria com 

                       Pró-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa, Extensão e Cultura (PROPGPEC)

                                                   Pró-Reitoria de Ensino (PROEN)

                                                         

 Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.