Alunas do Humaitá II são selecionadas para o Projeto ‘Meninas Olímpicas do IMPA’

  

Três alunas do Campus Humaitá II vão participar neste ano do Projeto “Meninas Olímpicas”, do Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA). As alunas Anna Beatriz Queiroz (9º ano), Anna Luisa (1ª série) e Lavinia Ponso e Vasconcelos (2ª serie) foram selecionadas pela Equipe de Matemática do Campus e passam a ser bolsitas do CNPQ em 2019.

O “Meninas Olímpicas” tem como objetivo despertar o interesse pelas atividades e olimpíadas de Matemática por parte das alunas, abrindo assim novos horizontes às estudantes, além de facilitar o acesso delas ao cenário científico no âmbito profissional ou acadêmico.

O projeto conta com outros quatro polos no Estado do Rio de Janeiro, sendo a coordenadora no Campus Humaitá II a professora de Matemática Priscila Belota.  Ela contará com a ajuda de uma estudante de licenciatura em Matemática da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

O “Meninas Olímpicas” prevê a realização de reuniões semanais (às terças, das 9:00 às 12:00, a partir do início do ano letivo de 2019), que poderão ser frequentadas por outros alunos do campus. Além da preparação para olimpíadas, nesses encontros serão realizados momentos de reflexão baseados em filmes ou palestras que sirvam para empoderar as estudantes.

Também serão elaborados projetos de popularização da Matemática nas escolas participantes, que deverão ser apresentados pelas alunas e professores na própria escola e no Festival da Matemática e Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2019.

Participantes

Desde o fim do ano passado iniciaram-se as reuniões mensais, no IMPA, de estruturação para início do Projeto que já se encontra em andamento em alguns colégios. Além do Humaitá II, outras quatro escolas públicas do Estado do Rio de Janeiro integram o projeto: Escola Municipal Alberto José Sampaio (Taquara, Zona Oeste); Colégio Militar do Rio de Janeiro; Colégio Estadual Matemático Joaquim Gomes de Sousa-Intercultural Brasil China (Niterói, cidade na Região Metropolitana); e Escola Municipal Meninos de Deus (Nova Iguaçu, município na Baixada Fluminense).

A coordenação geral ficará a cargo de Letícia Rangel, docente aposentada do Colégio de Aplicação da UFRJ. Ela comandará os cinco coordenadores da iniciativa nas escolas, que serão auxiliados por cinco alunas de licenciatura em Matemática. O CNPq arcará com os custos das bolsas para os coordenadores e três licenciandas, enquanto o IMPA absorverá os custos das outras duas bolsas das alunas de licenciatura.

 

 

 

Setor de Comunicação do Campus Humaitá II

Assessoria de Comunicação Social

 

 

 

Acessos Hoje:12067  Total Acessos:7382605