Saberes de fresta: a Pedagogia da Encruzilhada e a inserção dos conteúdos de Geografia Física na Geografia Escolar

Sarah Almeida de Oliveira

Resumo


Este trabalho é um ensaio que busca propor algumas reflexões e caminhos possíveis para a inserção dos conteúdos de Geografia Física nos currículos de Geografia na educação básica. Para tal, enquanto abordagem metodológica, articula experiências docentes e proposições teóricas apresentadas nas obras Pedagogia das Encruzilhadas de Luiz Rufino, e “Intervenção: Geografia Física Crítica”, de Rebeca Lave, Matthew Wilson e Elizabeth Barron. Nesse diálogo, o texto apresenta inquietações e percepções sobre as condições de inserção das temáticas físico-naturais na Geografia Escolar, destacando as possibilidades e potencialidade dos saberes da Geografia Física pensada do ponto de vista dos saberes da encruzilhada.


Palavras-chave


Geografia Física; Geografia Escolar; Pedagogia da Encruzilhada.

Texto completo:

PDF

Referências


AFONSO, Anice Esteves. Contribuições da Geografia Física Para o Ensino e Aprendizagem Geográfica na Educação Básica. Revista Educação Geográfica em Foco, v. 1, n. 2, 2017.

AFONSO, Anice Esteves. Perspectivas e possibilidades do ensino e da aprendizagem em Geografia Física na Formação de Professores. 236 f. Tese (Doutorado em Geografia)-PPGG, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2015.

AFONSO, Anice Esteves; ARMOND, Núbia Beray. Reflexões sobre o ensino de geografia física no ensino fundamental e médio. In: X ENCONTRO NACIONAL DE PRÁTICA DE ENSINO EM GEOGRAFIA. 10., 2009, Porto Alegre. Anais... Porto Alegre: UFRGS, 2009.

ARMOND, Núbia Beray; AFONSO, Anice Esteves. A Geografia Física no Brasil: em busca das matrizes teóricas originárias e suas influências nas abordagens integradoras. Geografia em Questão, v. 4, n. 2, 2011.

CASTREE, Noel; DEMERITT, David; LIVERMAN, Diana; RHOADS, Bruce. A Companion to Environmental Geography. Nova Jersey: Blackwell Publishing [S.l.]: Wiley, 2009. Disponível em: . Acesso em: 27 mar. 2020.

SOUZA, Rafael Nascimento de. Crivela culpa população por enchentes e é atingido por lama jogada por morador. Extra, 02 mar. 2020. Disponível em: . Acesso em: 01 maio 2020.

LAVE, Rebecca; WILSON, Matthew W; BARRON, Elizabeth S. Intervenção: Geografia Física Crítica. Espaço Aberto, v. 9, n. 1, p. 77–97, 2019.

LOPES, Alice Casimiro. Conhecimento Escolar: processos de seleção cultural e de mediação didática. Educação & Realidade, v. 22, n. 1, 1997. Disponível em: . Acesso em: 26 mar. 2020.

MENDONÇA, Francisco. Geografia socioambiental. Terra Livre, v. 1, n. 16, p. 113–132, 2001.

OLIVEIRA, Inês Barbosa de. Contribuições de Boaventura de Sousa Santos para a reflexão curricular: princípios emancipatórios e currículos pensadospraticados. Revista E-curriculum, v. 8, n. 2, p. 1–22, 2012.

OLIVEIRA, Inês Barbosa de. Currículo e processos de aprendizagemensino: políticaspráticas educacionais cotidianas. Currículo sem Fronteiras, v. 13, n. 3, p. 375–391, 2013.

OLIVEIRA, Inês Barbosa de. O currículo como criação cotidiana. Petrópolis, RJ: DP Et Alii, 2016.

OLIVEIRA, Sarah Almeida de; PEIXOTO, Maria Naíse de Oliveira. Em “tempos” de Antropoceno, como fica a questão ambiental no ensino de Geografia? In: ROCHA, Ana Angelita; MONTEIRO, Ana Maria; STRAFORINI, Rafael (Org.). Conversas na escada - currículo, docência e Disciplina Escolar. Rio de Janeiro: Consequência, 2019. p. 232.

RUFINO, Luiz. Pedagogia das Encruzilhadas. Rio de Janeiro: Mórula Editorial, 2019.

SIMAS, Luiz Antonio; RUFINO, Luiz. Fogo no mato: a ciência encantada das macumbas. Rio de Janeiro: Mórula Editorial, 2018. Disponível em:

SUERTEGARAY, Dirce Maria. Geografia física (?) geografia ambiental (?) ou geografia e ambiente (?). Elementos da Epistemologia da Geografia Contemporânea. Curitiba: UFPR, 2002.

SUESS, Rodrigo Capelle; SILVA, Alcinéia De Souza. A perspectiva decolonial e a (re)leitura dos conceitos geográficos no ensino de geografia. Geografia Ensino & Pesquisa, v. 23, n. 7, p. 7, 11 out. 2019. Disponível em: . Acesso em: 7 maio 2020.

YOUNG, Michael. Para que servem as escolas? Educação e Sociedade, v. 28, n. 101, p. 1287–1302, 2007. Disponível em: . Acesso em: 7 maio 2020.




DOI: http://dx.doi.org/10.33025/grgcp2.v8i14.2477

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2358-4467

 

Licença Creative Commons

Indexada em: