A INCLUSÃO DE ALUNOS SURDOS NO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE – IFRN - CAMPUS NATAL CENTRAL

Timótheo Machado Henrique

Resumo


O acesso de alunos surdos no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte - IFRN, mais especificamente no campus Natal Central, vem ocorrendo nos últimos anos. Após a aprovação da “lei de cotas”, a qual se refere a reserva de vagas para Pessoas com Deficiência em Instituições Federais de Ensino Superior – IFES, foram expressivos o aumento e a variedade desses sujeitos ocupando este espaço. Sabendo que o trabalho com esses sujeitos é subjetivo devido suas singularidades, que há diretrizes para a inclusão do aluno surdo e do trabalho do Tradutor Intérprete de Libras e Português (TILSP) foi necessário elaborar um Parecer Técnico para o IFRN objetivando orientar acerca de possíveis dúvidas e trazer maior compreensão acerca dos temas tratados. Para embasamento teórico utilizou-se a análise e interpretação de estudos de pesquisadores que se dedicam ao “Estudo da Surdez”, Leis e Decretos vigente no Brasil e Normas Técnicas da Federação Nacional das Associações dos Profissionais Tradutores Intérpretes e Guia Intérpretes de Libras – FEBRAPILS. Conclui-se que esse assunto necessita de constantes aprofundamentos e há a necessidade de estar em constante formação e entendimento desse sujeito surdo. Contudo, este documento contribui para minimizar dúvidas atuais e trazer maior compreensão acerca dos temas tratados a fim de assegurar a qualidade do atendimento aos alunos em questão e da atuação dos profissionais TILS.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.33025/ceb.v5i3.3061

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2525-2879 

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.