A notícia de jornal na sala de aula: da leitura da informação à leitura consciente

Ana Cristina Coutinho Viegas, Maria Cecília Sousa Moraes

Resumo


No que tange ao ensino de Língua Portuguesa na Educação Básica, um dos principais desafios perseguidos na prática educativa está relacionado a uma perspectiva de trabalho que desenvolva, dentre outras, a habilidade de leitura crítica dos discentes. Tendo em vista uma formação cidadã dos sujeitos, entende-se, dessa forma, contribuir para que estejam aptos a participar de práticas sociais de leitura. Neste artigo, a partir da concepção de Mikhail Bakhtin sobre os fenômenos de linguagem, propõe-se refletir acerca do otencial discursivo/ideológico veiculado através do gênero notícia de jornal. No trabalho com esse gênero na sala de aula, destaca-se a oportunidade de se estimular uma leitura através da qual sejam reconhecidas as marcas textuais de intencionalidade discursiva, sobretudo as de natureza semântica.


Palavras-chave


Ensino de Português, Ideologia discursiva, Texto noticioso, Educação crítica.

Texto completo:

PDF

Referências


ABREU, João Batista de. As manobras da informação. Rio de Janeiro: EdUFF, 2000.

BAKHTIN, M. Marxismo e Filosofia da Linguagem. 13. ed. São Paulo: Editora HUCITEC, 2009.

____________. Estética da criação verbal. São Paulo: Martins Fontes, 2011.

BONINI, Adair. Os gêneros do jornal: questões de pesquisa e ensino. In: KARWOSKI, Acir; GAYDECZKA e BRITO, Karim (org.). Gêneros textuais: reflexões e ensino. 4. ed. São Paulo: Parábola Editorial, 2011.

BORDIEU, Pierre. Sobre a televisão. Rio de Janeiro: Zahar, 1997.

BRITTO, Luiz Percival. Contra o consenso: cultura escrita, educação e participação. Campinas, SP: Mercado de Letras, 2003.

CHEIDA, Marcel J. O jornal na tensa fronteira entre o público e o privado: um estudo para ler criticamente os jornais em sala de aula. In: SILVA, Ezequiel Theodoro da (org.). O jornal na vida do professor e no trabalho docente. São Paulo, Campinas: Global, 2008.

CORTELLA, Mario Sergio. O professor e a leitura do jornal. In: SILVA, Ezequiel Theodoro da (org.). O jornal na vida do professor e no trabalho docente. São Paulo, Campinas: Global, 2008.

FARIA, Maria Alice. Como usar o jornal na sala de aula. São Paulo: Contexto. 10.ed. 2008.

FIORIN, José Luiz. Linguagem e ideologia. 8.ed. São Paulo: Ática, 2007.

LAGE, Nilson. Linguagem jornalística. 3. ed. São Paulo: Editora Ática, 1990.

____________. Ideologia e técnica da notícia. 4. ed. Florianópolis: Insular, 2012.

LOZZA, Carmen. Escritos sobre jornal e educação: olhares de longe e de perto. São Paulo: Global, 2009.

NEGROPONTE, Nicholas. A vida digital. São Paulo: Companhia das letras, 1995.

SÓLIO, 2007. Mass media como espelho da comunicação organizacional. In: Conexão – Comunicação e Cultura, Caxias do Sul, v. 6, n. 12, jul./dez., 2007.

ZANCHETTA, Juvenal Júnior. Imprensa escrita e telejornal. São Paulo: UNESP, 2004.




DOI: http://dx.doi.org/10.33025/ceb.v1i2.788

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2525-2879 

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.