Submissões

Submissões Online

Já possui um Login/Senha para a revista Revista Encontros?
Acesso

Não tem Login/Senha?
Cadastro de usuários

O cadastro no sistema e posterior acesso ou login são obrigatórios para submissão como também para verificar o estágio das submissões.

 

Diretrizes para Autores

A Revista Encontros  dedica-se ao ensino e suas conexões com a pesquisa, sob uma dupla perspectiva: histórica/historiográfica e inter e/ou multidisciplinar, tendo em vista a asserção e reconhecimento da Educação Básica como território ao qual se entrecruzam teoria e prática, saber e docência. Desta forma, a revista aceita somente trabalhos inéditos que discutam os domínios do Ensino-Escrita da História, incluindo contribuições que versam sobre investigações teóricas e metodológicas; resultados de pesquisa ou em andamento; formação docente; balanços historiográficos/revisões de literatura; resumos de dissertações e teses. E, também, relatos de experiências sobre práticas docentes, elaboração de materiais didáticos e/ou projetos pedagógicos que integram o Ensino Fundamental, o Ensino Médio e o Ensino Superior. Além de textos sobre ensino e/ou pesquisa apresentados em seminários, congressos ou palestras não publicados; resenhas de livros; transcrição e análise de entrevistas, e traduções de obras e/ou capítulos que atendam ao escopo e foco da revista.

Todos os trabalhos enviados serão submetidos para avaliação a pareceristas conceituados. Cabe ao Conselho Editorial a decisão referente a oportunidade da publicação das contribuições recebidas. Os textos são de responsabilidade exclusiva de seus autores, assim como a revisão ortográfica e gramatical. A normatização do texto segue as orientações definidas nas NBR 6022 (artigo em publicação periódica), 6023 (referências) e 6028 (resumos).

A decisão final sobre a publicação ou não do texto será da Equipe Editorial, que se reserva o direito de solicitar, da mesma forma, alterações nos originais quando necessárias. Os editores podem introduzir adequações na redação dos originais, tendo em vista respeitar a padronização, a qualidade e o escopo da revista. Por sua vez, os estilos e as abordagens dos textos serão preservados, considerando que expressam, de modo singular e exclusivo, as elaborações próprias dos autores.

Como parte do processo de submissão, recomenda-se que os autores verifiquem a conformidade do texto em relação a todos os itens apresentados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as diretrizes serão devolvidas aos autores. 

Nota:

A Revista Encontros não estabelece nenhuma forma de pagamento para fins de submissão e publicação dos artigos enviados e/ou aprovados pelos paraceristas, além de todas as edições terem acesso livre.

Normas para Submissão:

Os artigos devem ser encaminhados por via eletrônica para o seguinte e-mail: adjovanes@hotmail.com. O manuscrito deve apresentar cerca de 10 a 15 páginas, incluindo notas de rodapé e referências bibliográficas, e as resenhas de livros e relatos de experiências, com cerca de 5 a 10 páginas. Os textos a serem submetidos para a revista devem ser originais e, portanto, não podem ter sido publicados em qualquer outro vínculo ou meio, inclusive anais de congresso e eletrônico.

Os originais a serem enviados devem ser digitados em MS Word (doc ou docx), A4 e orientação "retrato". No caso de tabelas, gráficos e imagens, os mesmos devem ser editados também em MS Word. Qualquer texto deve ser formatado em fonte Arial, tamanho 12, espaço duplo, margens superior e esquerda de 3,0 cm e inferior e direita de 2,5 cm, parágrafo (recuo na primeira linha) de 1,25 cm e sem paginação. O título do artigo deve ser apresentado na mesma fonte já indicada, no alto da primeira página, com alinhamento à direita, tamanho 14, em caixa alta e negrito; e, em caso de subtítulo, o mesmo deve vir abaixo do título em estilo normal e espaço simples, mas mantido o negrito. Abaixo deve seguir a autoria do artigo na mesma fonte, tamanho 12, acompanhada de uma nota de rodapé para as referências acadêmicas e profissionais, de forma completa, incluindo instituição de trabalho e titulação com as respectivas instituições, além do endereço eletrônico.

O artigo deve vir acompanhado obrigatoriamente de resumos informativos em português e em outro idioma (preferencialmente em inglês), com no máximo 250 palavras, e seguido de três a cinco palavras-chave em ambos idiomas, além do título em versão bilíngue. Os resumos devem sintetizar os objetivos, a abordagem teórico metodológica e as conclusões relevantes do trabalho. Estes devem ser apresentados na fonte Arial, tamanho 12, espaço simples e sem parágrafo. Os mesmos são de responsabilidade exclusiva do autor.

Caso o autor apresente o seu texto com divisões, os subtítulos devem ser apresentados com numeração (I, II, etc.) em estilo “normal”, alinhamento justificado, sem negrito ou itálico. 

Em caso do uso de expressões no corpo do texto que o autor precisa grifar, não é recomendável usar negrito, itálico e aspas simultaneamente, ou seja: utilize apenas um desses recursos.

Caso um texto citado no artigo seja de obra estrangeira e foi traduzido pelo autor, é necessário indicar tradução nossa antes do parêntese que fecha a indicação da fonte.  É recomendável inserir o texto na língua original em nota de rodapé acompanhado das referências.

As remissões bibliográficas devem figurar no corpo do texto, entre parênteses, com o último sobrenome em caixa alta seguido da data de publicação e, em caso de transcrição ou uso de capítulo, da(s) página(s) referente(s), separada(s) por vírgula(s). Quando o autor deseja realizar um destaque na citação direta do texto, é necessário acrescentar a expressão grifo nosso na remissão bibliográfica.

 Exemplos:

i) Segundo Sarlo (2005, p. 26), "escreve-se para lembrar e amanhã outros vão ler essa lembrança".

ii) "A história é objeto de uma construção cujo lugar não é o tempo homogêneo e vazio, mas um tempo saturado de agoras" (BENJAMIN, 1985, p. 229).

iii) "A construção não é incompatível com a prova; a projeção do desejo, sem o qual não há pesquisa, não é incompatível com os desmentidos infligidos pelo princípio de realidade. O conhecimento (mesmo o conhecimento histórico) é possível" (GINZBURG, 2002, p. 43, grifo nosso).

A citação direta e breve (de até três linhas) deve estar no corpo do texto com aspas, sem negrito ou itálico, e com a remissão bibliográfica entre parênteses.

Exemplos:

A pesquisa participante colabora à ampliação do conhecimento sobre a realidade escolar brasileira e alcança resultados socialmente mais positivos, uma vez que permite a "interação entre pesquisadores e membros das situações investigadas" (GIL, 1996, p. 61).

Há muito, a nação vem sendo objeto de longas discussões. A nação pode ser definida, "como uma construção ideológica de um certo tipo de Estado, para o qual se direciona um sentimento de fidelidade que une indivíduos com laços histórico-culturais comuns" (ROSSOLILO, 1986, p. 795).

Obs: Na lista de referências, ao final do artigo, o autor deve, obrigatoriamente, inserir as informações completas das obras que foram citadas ao longo do texto.  

As citações de mais de três linhas devem ser apresentadas na linha seguinte com recuo de 4 cm na margem esquerda, tamanho 11, sem aspas, sem itálico e com a remissão entre parênteses. As demais notas devem figurar no rodapé do texto de forma sucinta, porém quando se fizerem absolutamente necessárias. Tratam-se de notas explicativas destinadas a complementar o tema.

As referências devem ser apresentadas ao final do artigo em ordem alfabética, listando somente obras, artigos de periódicos, publicações oficiais e fontes textuais e/ou imagéticas que tenham sido citados no corpo principal do texto, em conformidade com o modelo padrão da ABNT. Igual procedimento estende-se às obras e/ou fontes obtidas em sítios eletrônicos.

Exemplos:

i) Artigos em revistas acadêmicas (eletrônicas e impressas):

BRANDÃO, Carlos Antônio Leite. Modernidade Quae Sera Tamen. In: Cadernos de Arquitetura e Urbanismo. Belo Horizonte, v. 12, n. 13, p. 201-215, dez. 2005. Disponível em:  <http://www.pucminas.br/imagedb/documento/DOC_DSC_NOME_ARQUI20070514091204.pdf> Acesso em 20 ago. 2015.

DAVYT, A.; VELHO, L. A avaliação da ciência e a revisão por pares: passado e presente. Como será o futuro? História, Ciências, Saúde – Manguinhos, v. 7, n. 1, p. 93-116, 2000. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-59702000000200005&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt>. Acesso em: 8 ago. 2006.

SANTOS, Afonso Carlos Marques dos. A invenção do Brasil: um problema nacional? Revista de História, São Paulo, n. 118, p. 3-12, 1 sem. 1985.
 
Observação: O destaque é dado ao nome da revista, dentro da qual o artigo usado pelo autor está publicado. E a paginação precede à data.

ii) Livros (com títulos e/ou subtítulos):

Modelo Livro de um autor:

JAMESON, Fredric. O inconsciente político – a narrativa como ato socialmente simbólico. Trad. Valter L. Siqueira. São Paulo: Ática, 1992.

Modelo Capítulo de Livro de um único autor:

BENJAMIN, Walter. Sobre o conceito de história. In: _______. Obras escolhidas - magia e técnica; arte e política. Trad. Sérgio Rouanet. 7 ed. São Paulo: Brasiliense: 1985, vol. I, p. 222-232.

Modelo Livro de dois autores:

BRESCIANI, Stella; NAXARA, Márcia (org.). Memória e (res)sentimento: indagações sobre uma questão sensível. Campinas/São Paulo: Unicamp, 2004. 

Modelo Livro de três autores ou mais (não usar et al.):

LOPES, Antonio Herculano Lopes; VELLOSO, Monica; PESAVENTO, Sandra (org.). História e linguagens – texto, imagem, oralidade e representações. Rio de Janeiro: 7 Letras, 2006.

Modelo Livro com duas editoras:

CHARTIER, Roger. A aventura do livro: do leitor ao navegador. São Paulo: Imprensa Oficial:Unesp, 1999.

iii) Obras de Referência:

Modelo Dicionário:

BOBBIO, Norberto; MATTEUCI, Nicola; PASQUINO, Gianfranco (Org.). Dicionário de política. 2 ed. Brasília: Editora UNB, 1986, 2v.

BURGUIÈRE, André (Org.). Dicionário das ciências históricas. Tradução Henrique de A. Mesquita. Rio de Janeiro: Imago, 1993.

Modelo Verbete de Dicionário:

BACZKO, Bronislaw. Utopia. In: ROMANO, Ruggiero (Dir.). Enciclopédia Einaudi. anthropos-homem. Portugal:Lisboa: Imprensa Nacional:Casa da Moeda, 1985, p. 333-96, vol. 5.

iv) Publicações Oficiais:

Modelo Obra publicada por Ministério:

BRASIL. Ministério do Trabalho. Secretaria de Formação e Desenvolvimento Profissional. Educação profissional:  um projeto para o desenvolvimento sustentado. Brasília: SEFOR, 1995.

BRASIL. Ministério da Educação e Cultura. Instituto Superior de Estudos Brasileiros (MEC/ISEB). CORBISIER, Roland. Formação e problema da cultura brasileira. 3 ed. Rio de Janeiro: Escola Técnica Nacional, 1960.

Modelo Legislação:
 
BRASIL. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF: Senado Federal:Centro Gráfico, 1988. 292 p. 
 
Modelo Legislação em Meio Eletrônico:
 
BRASIL. Câmara dos Deputados. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil. 35 ed. Brasília, DF: Biblioteca Digital da Câmara dos Deputados, 2012. Disponível em: <http://www.bd.camara.gov.br> Acesso em: 20 out. 2015. 

BRASIL. Lei nº. 6.683 de 28 de agosto de 1979. Concede anistia e dá outras providências. Diário Oficial da União, Seção 1, p. 12.265. Brasília, DF, 28 ago. 1979. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L6683.htm Acesso em: 20/10/2015.

v) Artigo e/ou Matéria de Jornal:
 
PAIVA, Anabela. Trincheira musical: músico dá lições de cidadania em forma de samba para crianças e adolescentes. Jornal do Brasil. Rio de Janeiro, p. 2, 12 jan. 2002.
 
NAVES, P. Lagos andinos dão banho de beleza. Folha de São Paulo, São Paulo, Folha Turismo, Caderno 8, p. 13, 28 jun.1999.

vi) Teses e Dissertações: 

OLIVEIRA, Nathália Fernandes de: A repressão policial às religiões de matriz afro-brasileira no período do Estado Novo (1937-1945). Dissertação (Mestrado em História) - Programa de Pós-Graduação em História, Universidade Federal Fluminense, Niterói-RJ, 06 de ago. 2015.

 

 

 

Itens de Verificação para Submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.

  1. Os textos a serem submetidos livremente para a revista devem ser originais, portanto, não podem ter sido publicados em qualquer outro vínculo ou meio, inclusive anais de congresso e eletrônico.
  2. O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores e na página Sobre a Revista.
  3. Em caso de submissão a uma seção com avaliação pelos pares (ex.: artigos), as instruções disponíveis em Assegurando a avaliação pelos pares cega foram seguidas.
  4. As figuras e tabelas estão inseridas no texto, ao invés de estarem ao final do documento na forma de anexos e/ou apêndices.
  5. A Comissão Editorial poderá recusar meu artigo por estar fora das normas ou por avaliação dos pareceristas.

  6. Os autores devem estar cientes da Declaração de Direito Autoral como parte do processo de submissão e aprovação do artigo a ser enviado para o e-mail revistaencontroshistoriacp2@gmail.com.

    Declaração de Direito Autoral:

    "Submeto(emos) o texto à avaliação da Revista Encontros do Departamento de História do Colégio Pedro II, e concordo(amos) que ela passe a deter os direitos autorais, em caso de aceite para fins de publicação."

  7. Declaração de responsabilidade e originalidade: 

    "Certifico(amos) minha(nossa) responsabilidade exclusiva pelo conteúdo do texto enviado para submissão. E atesto (amos), da mesma forma, que o texto é original e, portanto, não está submetido a nenhum outro periódico, seja no formato impresso ou no eletrônico, enquanto sua publicação estiver sendo avaliada pela Revista Encontros."

 

Declaração de Direito Autoral

A aceitação do artigo implica automaticamente a cessão de seus direitos autorais à Revista Encontros, Colégio Pedro II. A reprodução total ou parcial dos artigos das diversas edições da revista é permitida desde que citada a fonte de publicação original.

A Revista Encontros adota a licença:

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

 

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.

 


Licença Creative Commons

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.