EDUCAÇÃO PATRIMONIAL E ENSINO DE HISTÓRIA: diálogos

Juçara da S. B. de Mello, Iamara da S. Vianna

Resumo


Sob uma abordagem teórico-metodológica que sublinha o patrimônio como conhecimento histórico que inclui novas compreensões sobre a diversidade cultural, o presente estudo discute como a educação patrimonial pode oferecer alguns insights para ampliar a prática docente. Nossa análise refere-se às contribuições da educação patrimonial, com suas diferentes matrizes de referências identitárias, destacando os vínculos entre história e memória para o processo de ensino e aprendizagem e enfatizando a conjunção entre pesquisa e ensino ao nível da educação básica.

 


Palavras-chave


ensino da história escolar; prática docente; educação patrimonial; patrimônio; memória; identidade.

Texto completo:

PDF

Referências


Official Publications

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais. Brasília. MEC/SEF, 1998.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Média Tecnológica. Parâmetros Curriculares Nacionais. Área de Ciências Humanas e suas Tecnologias. Brasília: MEC, 1999.

BRASIL. Ministério de Educação e do Desporto. Conselho Nacional de Educação. Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Fundamental. 1998. Disponível em:

http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/1998/pceb004_98.pdf Acesso em 4 dez. 2012.

HORTA, Maria de Lourdes Parreiras. GRUNBERG, Evelina; MONTEIRO, Adriane Queiroz. Guia básico de educação patrimonial. Brasília: Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional / Museu Imperial, 1999.

Articles and Books

ABREU, Martha; SOIHET, Rachel (orgs.) Ensino de história: conceitos, temáticas e metodologia. Rio de Janeiro: Casa da Palavra, 2003.

ARAUJO, Valdei Lopes de. A aula como desafio à experiência da História. In: GONÇALVES, Márcia et al.(orgs.). Qual o valor da história hoje? Rio de Janeiro: FGV, 2012.

ARENDT, Hanna. Entre o passado e o futuro. São Paulo: Perspectiva, 1979.

BITTENCOURT, Circe (org.). O saber histórico na sala de aula. São Paulo: Contexto, 2006.

______. Ensino de história: fundamentos e métodos. São Paulo: Cortez, 2011.

CAIMI, Flávia Heloísa. Por que os alunos (não) aprendem História? Reflexões sobre ensino-aprendizagem e formação de professores de História. Revista Tempo – Dossiê: Ensino de História. Departamento de História da UFF. V. 11, n. 21. Rio de Janeiro. Julho 2006.

CASTRO, Maria Laura Viveiros de; FONSECA, Maria Cecília Londres. Patrimônio imaterial no Brasil. Brasília: UNESCO, Eduarte, 2008.

CHUVA, Márcia. Patrimônio material e memória da nação. Jornal Unesp. Disponível em http://www.unesp.br/aci/jornal/204/supleb.php. Acesso em 02 dez. 2012.

FONSECA, Maria Cecília Londres. O patrimônio em processo: trajetória da política federal de preservação no Brasil. 2 ed. Rio de Janeiro: Editora UFRJ; Minc-Iphan, 2005.

________. Referências culturais: bases para novas políticas de patrimônio. Disponível em http://www.ipea.gov.br/agencia/images/stories/PDFs/politicas_sociais/referencia_2.pdf Acesso em 4 dez. 2012

REVISTA NOVA ESCOLA. O que é projeto político pedagógico (PPP). Disponível em http://revistaescola.abril.com.br/planejamento-avaliacao/planejamento/projeto-politico-pedagogico-ppp-pratica-610995.shtml Acesso em 04 dez. 2012.

FREIRE, Paulo; GUIMARÃES, Sérgio. Sobre educação. São Paulo: Paz e Terra, 2003.

GINZBURG, Carlo. Mitos, emblemas e sinais: morfologia e história. São Paulo, Companhia das Letras, 1989.

GRAMSCI, Antonio. Os intelectuais e a organização da cultura. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1982.

HALBWACHS, Maurice. A memória coletiva. São Paulo: Vértice. Ed. Revista dos Tribunais, 1990, p. 34.

HARTOG, François. Regimes d’historicité; présentisme et expériences du temps. Paris: Seuil, 1997.

LIBANEO, José Carlos. Didática. São Paulo: Cortez, 1994.

MATTOS, Ilmar R. Mas não somente assim; leitores, autores, aulas como texto e o ensino-aprendizagem de História. In. Revista Tempo. Departamento de História da UFF. V. 11, n. 21. Rio de Janeiro. Julho 2006.

MONTEIRO, Ana Maria. Professores de história: entre saberes e práticas. Rio de Janeiro: Mauad, 2007.

PIAGET, Jean. Seis estudos de psicologia. 24 ed., Rio de Janeiro, Forense Universitária, 2005.

ROCHA, Helenice; MAGALHÃES, Marcelo; GONTIJO, Rebeca (orgs.). A escrita da história escolar: memória e historiografia. Rio e Janeiro: FGV, 2009.

SARLO, Beatriz. Tempo passado: cultura da memória e guinada subjetiva. São Paulo: Companhia da Letras, 2007.

SEGALA, Ligya. Identidade, educação e patrimônio: o trabalho do Laboep. In: Patrimônio. Revista Eletrônica do Iphan. Disponível em http://www.labjor.unicamp.br/patrimonio/materia.php?id=138 Acesso em 4 dez. 2012.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons

Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.