O canto orfeônico: uma breve análise do ponto de vista pedagógico-musical e político

Paulo Roberto de Oliveira Coutinho

Resumo


Este artigo consiste em apresentar uma breve análise sobre o canto orfeônico dirigido por Heitor Villa-Lobos, diante dos aspectos políticos, ideológicos e pedagógicos musicais. A partir de um levantamento de produções acadêmicas ligadas à temática, buscamos um diálogo reflexivo diante dos principais pontos relacionados ao ensino de música na escola pública da primeira metade do século XX, destacando as consonâncias com o pensamento político guiado pelo regime do Estado Novo.

 


Palavras-chave


Canto Orfeônico; Villa-Lobos; Estado Novo.

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Constituição dos Estados Unidos do Brasil de 10 de novembro de 1937. Biblioteca Digital da Câmara - em http//: bd.camara.gov.br, acessado em 13 de março de 2016.

FUKS, Rosa. O discurso do Silêncio. 1ª edição. Rio de Janeiro: Enelivros, 1991. Volume 1.

LEMOS Júnior, Wilson. O ensino do canto orfeônico na escola secundária brasileira (décadas de 1930 e 1940). Revista Histedbr Online, Campinas, nº 42, junho, p. 279-295, 2011.

LISBOA, Alessandra Coutinho. Villa-Lobos e o Canto Orfeônico: música, nacionalismo e o ideal civilizador. 2005. Dissertação (Mestrado em Música) - Programa de Pós-Graduação em Música do Instituto de Artes da Universidade Estadual Paulista, São Paulo.

NÓBREGA, Adhemar A. Villa-Lobos, fundador e diretor do Conservatório Nacional de Canto Orfeônico. Revista Presença de Villa-Lobos. Rio de Janeiro – MEC/DAC, Museu Villa-Lobos, volume 5, p.10-20, 1970.

NORONHA, Lina Maria Ribeiro de. O Canto Orfeônico e a construção do conceito de identidade nacional. In, Simpósio Internacional Villa-Lobos. Anais... São Paulo. USP/ 2009. p. 1-6.

OLIVEIRA, Daisy Lucia Gomes de. Villa-Lobos e o Canto Orfeônico no Governo Vargas: as concentrações e a Superintendência de Educação Musical e Artística. Interlúdio – Revista do Departamento de Educação Musical do Colégio Pedro II, Rio de Janeiro. Ano 2, n.1, p.11-24, 2011

PAZ, Ermelinda. Pedagogia Musical Brasileira no Século XX. Metodologias e tendências. 2ª Edição. Revista aumentada. Brasília: editora Musimed, 2013.

PENNA, Maura. O canto orfeônico e os termos legais de sua implantação em busca de uma análise contextualizada. In: XXII Congresso da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Música. 2012. João Pessoa (PB). Anais... João Pessoa: UFPB, 2012, p. 1.439-1.446.

______. O papel do canto orfeônico no papel do nacional na Era Vargas: algumas reflexões. In: XXIII Congresso da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Música. 2013. Natal (RN). Anais... Natal: UFRN, 2013. p.1-8.

RIBEIRO, Maria Luiza Santos. A história da Educação Brasileira: a organização escolar. 15ª impressão. Campinas – SP: Autores Associados, 1998.

ROCHA, Inês de Almeida. Que mistura é esta Villa! Digno de um estudo muito profundo! Algumas aproximações e distanciamentos entre as propostas de educação musical de Liddy Chiaffarelli Mignone e Heitor Villa-Lobos. In: 2º Simpósio Villa-Lobos: perspectivas analíticas para a música de Villa-Lobos. São Paulo. 2012. Anais... São Paulo: ECA/USP, 2012. p.134-159.

SANTOS, Regina Marcia Simão. Educação musical, educação artística, arte-educação e música na escola básica no Brasil: trajetórias de pensamento e prática. In: SANTOS, Regina Marcia Simão (Org). Música, Cultura e Educação: os múltiplos espaços de educação. Porto Alegre: Sulina, 2ª edição, 2012. p. 179-228.

SARMENTO, Ana L. de M. Canto Orfeônico. Revista Presença de Villa-Lobos. Rio de Janeiro – MEC/DAC, Museu Villa-Lobos, volume 10, p. 29-35, 1977.

SILVA, Luceni Caetano da. Gazzi de Sá e o prelúdio da educação musical na Paraíba (1930-1950). 2ª edição. João Pessoa: Editora Universitária da UFPB, 2013.

VILLA-LOBOS, H. Guia Prático pra educação artística e musical: estudo folclórico musical/ Heitor Villa-Lobos; [textos e pesquisa] por: Manoel Aranha Corrêa do lago, Sérgio Barboza, Maria Clara Barbosa. – Rio de Janeiro: ABM: FUNARTE, 2009.

VILLA-LOBOS, Heitor. Educação Musical. Revista Presença de Villa-Lobos. Rio de Janeiro – MEC/DAC, Museu Villa-Lobos, volume 13, p. 1-115, 1991.




DOI: http://dx.doi.org/10.33025/irdemcp2.v5i7.1801

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


      ISSN 2594-407X

 

                                       URL: https://cp2.g12.br/ojs/index.php/interludio

                                           email: interludiorevista@hotmail.com

 

                                     Publicação do Departamento de Educação Musical (DEM)

                                                         em parceria com 

                       Pró-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa, Extensão e Cultura (PROPGPEC)

                                                   Pró-Reitoria de Ensino (PROEN)

                   Curso de Especialização em Práticas Musicais na Educação Básica (DEM)

                                                         

 Este trabalho está licenciado com uma Licença

 Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.