DISPOSITIVOS PARA EDUCAÇÃO DO CORPO E MODULAÇÃO DO COMPORTAMENTO NAS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA: PONTO DE VISTA SOBRE O CONTEXTO PANDÊMICO

Luiza Silva Moreira, Raphaell Moreira Martins, Hugo Paula Almeida da Rocha

Resumo


O contexto pandêmico trouxe ao ambiente social um conjunto de incertezas, principalmente, no que se refere ao corpo e sua forma de lidar com o mundo. Com isso, o objetivo deste ensaio foi formular enunciados para a educação física escolar, buscando alavancar o debate sobre formas de ensino no contexto pandêmico. A ideia do corpo educado se apresenta como um processo de intervenção humana para a adaptação do indivíduo à vida urbana e nas dimensões mais amplas das relações sociais. Destacamos que o processo de educação do corpo, disciplinamento e ajustamento do comportamento para o aprendizado nesse novo contexto requererá tempo. Os desvios poderão ocorrer de forma involuntária ou de resistência ao poder empregado pelas novas tecnologias para ensino. Nesse sentido, sugerimos propostas que podem ser incorporadas na escola, legitimando os processos de educação do corpo, disciplinamento e modulação de comportamento que virão a ser apresentados nos novos ambientes de ensino e aprendizado.


Palavras-chave


Educação do Corpo; Disciplina; Ensino Remoto; Pandemia; Educação Física Escolar.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, L. R. G. Educação remota: entre a ilusão e a realidade. Interfaces científicas, v.8, n.3, p.3348-265, 2020.

BECKER, H. S. Outsiders: estudos de sociologia do desvio/Howard S. Becker; tradução de Maria Luiza X. de Borges; revisão técnica de Karina Kuschnir. Rio de Janeiro: Zahar, 2008.

BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional – LDB, Lei nº 9.394 de 20 de dezembro de 1996. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9394.htm. Acesso em: 04 ago. 2011.

ELIAS, N. O processo civilizador. Uma História dos Costumes. v.1 - 2.ed. - Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 1994.

FERGUSON, N. Civilização: Ocidente X Oriente. São Paulo: Planeta, 2012.

FOUCAULT, M. Vigiar e Punir: nascimento da prisão/Michel Foucault; tradução de Raquel Ramalhete. 29ª ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2004.

FOUCALUT, M. Microfísica do poder. 7ª ed. Rio de janeiro/São Paulo: Paz & Terra, 2018.

GOULD, S. J. O sorriso do flamingo: reflexões sobre história natural. São Paulo: Martins Fontes, 1990.

KERLINGER, F. N. Metodologia da Pesquisa em Ciências Sociais: um tratamento conceitual. São Paulo: E.P.U, 2013.

KUHN, T. S. A tensão essencial. Coimbra, PT: Edições 70, 2009.

MAUSS, M. As técnicas do corpo. In: MAUSS, Marcel Sociologia e Antropologia. São Paulo: Cosac Naify, 2003, p. 399-422.

MENZIES, Gavin. 1421: o ano em que a China descobriu o mundo. 9ª ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2014.

SOARES, C. L. Prefácio. In: OLIVEIRA, M. A. T. Educação do Corpo na Escola Brasileira. Campinas: Autores Associados, 2006.




DOI: http://dx.doi.org/10.33025/tefe.v5i1.2876

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2525-5916

Licença Creative Commons

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.