O FUTEBOL COMO FERRAMENTA NA COEDUCAÇÃO

Iuri Leal Moura

Resumo


O presente Relato de Experiência tem por objetivo descrever a utilização do conteúdo futebol, socialmente dito como esporte masculino, como auxílio para consolidar aulas coeducativas na Educação Física Escolar. Pensando neste esporte como patrimônio cultural dos brasileiros, sua utilização torna-se imprescindível para que se alcancem objetivos que visem a coeducação, sem abandonar a parte lúdica do jogo e o exercício de algumas de suas técnicas. 


Palavras-chave


Educação Física Escolar; Coeducação; Futebol

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros curriculares nacionais: Educação Física / Secretaria de Educação Fundamental. Brasília: MEC / SEF, 1998. 114 p.

BROTTO, F. O. Jogos cooperativos: o jogo e o esporte como exercício de convivência. Santos: Projeto Cooperação, 2001.

COSTA, M. R. F; SILVA, R. G da. A Educação Física e a co-educação: igualdade ou diferença? Revista Brasileira de Ciências do Esporte. v. 23, n. 2 (2002). Disponível em: . Acesso em 22 ago. 2016.

DARIDO, S. C.; SOUZA JÚNIOR, O. M. Para ensinar Educação Física: possibilidades de intervenção na escola. Campinas, SP: Papirus, 2007.

DARIDO, S. C. & RANGEL, I. C. A. (coords.). Educação Física na escola: implicações para a prática pedagógica. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2008.

HILDEBRANDT-STRAMANN, R. (org.). Educação física aberta à experiência: uma concepção didática em discussão. Rio de Janeiro: Imperial Novo Milênio, 2009.

HILDEBRANDT, R.; LAGING, R. Concepções abertas no ensino da educação física. Rio de Janeiro: Ao Livro Técnico, 1986.

KUNZ, E. (org.). Didática da Educação Física 2. 3ª ed. Ijuí: Ed. Unijuí, 2005.

MEDINA, João Paulo Subirá. O brasileiro e seu corpo: Educação e política do corpo. 2ª ed. Campinas, SP: Papirus, 1990.

NEIRA, Marcos Garcia. LIPPI, Bruno Gonçalves. SOUZA, Dirley Adriano de. Mídia e futebol: contribuições para a construção de uma pedagogia crítica. Revista Brasileira de Ciências do Esporte. v. 30, n. 1 (2008). Disponível em:< http://revista.cbce.org.br/index.php/RBCE/article/view/193>. Acesso em 22 ago. 2016.




DOI: http://dx.doi.org/10.33025/tefe.v2i1.767

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2525-5916

Licença Creative Commons

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.