Seminário debate prática docente do ensino de francês


Evento apresentou exposição de livros didáticos de francês


Professores de Francês e estudantes de Letras puderam repensar a prática docente do ensino do idioma no Brasil, através do seminário ReFLEtindo, que aconteceu no dia 5 de setembro, no Complexo de São Cristóvão. O evento reuniu 75 participantes e contou com palestras e exposição de livros didáticos de francês.


"O ensino de francês no Brasil já tem uma longa história na qual o Colégio Pedro II teve e tem papel de grande importância. Inserida na grade curricular desde a fundação do Colégio, essa disciplina vem, ao longo do tempo, sendo reformulada e recontextualizada de acordo com as necessidades e aspirações da comunidade escolar. Essas mudanças, contudo, não ocorrem somente no CPII. Na verdade, os progressos tecnológicos e as reconfigurações geopolíticas, econômicas e culturais em escala mundial determinam e exigem a revisão de objetivos e práticas do ensino de línguas estrangeiras”, justifica Claudia Almeida, professora de Francês e uma das organizadoras do evento.

Ao longo do dia, os participantes puderam conferir palestras dos professores Cristina Moerbeck Casadei Pietraroia (USP); Felipe Dezerto (CPII); Erika Noel Ribas Dantas (CPII); Luiz Carlos Balga Rodrigues (UFRJ); Juliana Castro (CPII); Pedro Armando de Almeida Magalhães (UERJ); e Décio Rocha (UERJ).


A mediateca Jean-Luc Lagardère recebeu a exposição “Colégio Pedro II e livros didáticos: ReFLEtindo seu passado”. A mostra reuniu dez banners com reproduções de livros didáticos de francês usados no CPII, além de livros raros. Os livros fazem parte do acervo pessoal da professora Cristina Moerbeck Casadei Pietraroia, que pela primeira vez os disponibilizou ao público.


Os participantes do seminário podem gerar seus certificados acessando este link.



 

 

Coordenadoria de Comunicação Social

Acessos Hoje:4818  Total Acessos:30723316